Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Delivery comida
Entrega de comida cresceu 20% no dia dos namorados deste ano na comparação com a mesma data de 2020.| Foto: Leticia Akemi/Gazeta do Povo

As vendas de almoço e jantar pelo delivery no dia dos namorados deste ano tiveram um salto de 20% na comparação com a mesma data de 2020. É o que revela um levantamento recente das empresas de tecnologia Linx e Neemo, que mostra que o hábito de pedir comida em casa desacelerou menos do que o esperado, já que a comemoração deste 2021 foi marcada pela flexibilização dos decretos restritivos em grande parte do país.

Para a Linx, os números evidenciam a consolidação da cultura do delivery, que se provou essencial para restaurantes manterem as vendas durante o abre-e-fecha do setor na pandemia. A exemplo da Páscoa deste ano, a tendência já podia ser notada com as entregas em domicílio registrando crescimento de 101% em relação ao mesmo período de 2020.

A empresa também considera que o crescimento do delivery no dia dos namorados deste ano se deu por conta do dia da semana em que ocorreu a comemoração, no sábado. E ainda houve o agravante de que os restaurantes que puderam abrir as portas operaram com no máximo 50% da capacidade, o que fez as reservas esgotarem rapidamente.

Alta demanda, pouca mesa

Pesquisa do Bom Gourmet Negócios com empresários de Curitiba e São Paulo apontou que cerca de 80% deles chegaram na sexta (11) com todas as mesas reservadas em seus restaurantes. O restante teve poucas mesas vagas no sábado (12), mesmo entre os que estenderam a comemoração por todo o final de semana.

Ao analisar a mesma base de dados, foi no dia dos namorados de 2020 – momento em que o comércio estava completamente fechado por conta da Covid-19 – que os pedidos via delivery saltaram expressivamente, com aumento de 419% frente ao ano anterior. Ao todo, mais de 138 mil pedidos via delivery foram analisados nos Dias dos Namorados dos anos de 2019, 2020 e 2021.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]