Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Curso capacitação jovens
Entre os cursos oferecidos está o de atendimento ao cliente.| Foto: Bigstock

Pela primeira vez em 24 anos, a Arcos Dourados está abrindo as portas da universidade corporativa do McDonald’s no Brasil para capacitar pessoas de fora da rede. A iniciativa começou na última semana com o oferecimento de cinco cursos para o desenvolvimento principalmente de jovens, de modo a ajudar na formação de novos profissionais para atuarem no mercado.

São capacitações em áreas como inteligência emocional, empreendedorismo, finanças pessoais, atendimento ao cliente e saúde e bem estar de curta duração, mas com conceitos que somam ao repertório dos estudantes. Todos os cursos contam com um certificado emitido ao final da formação e podem ser realizados até o dia 31 de dezembro pela internet.

A iniciativa surgiu após uma pesquisa feita pela rede com a consultoria Trendsity sobre as preocupações dos jovens da América Latina e Caribe com o mercado de trabalho, e apontou que 61% deles consideram importante o fortalecimento das competências para compensar a falta de experiência para conseguir um primeiro emprego.

Desses, 73% acreditam ser necessário aprofundar as relações de trabalho em equipe e liderança, 50% em iniciativas de inovação e empreendedorismo, e 44% em aperfeiçoar as estratégias de venda e atendimento ao cliente.

São estes pontos mais destacados na escolha dos cursos que foram abertos a pessoas de fora da rede de fast food, segundo Woods Staton, presidente executivo do conselho da Arcos Dourados. A marca é considerada uma das principais empregadoras de jovens em busca do primeiro trabalho formal.

“Além de empregarmos milhares de jovens todos os anos, pensamos também naqueles que não fazem parte da nossa empresa. Temos o orgulho de poder compartilhar conteúdos que irão auxiliá-los em seu desenvolvimento”, explica.

Considerando o cenário brasileiro, onde 31% dos jovens de 18 a 24 anos estão desempregados segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a pesquisa apontou que oito em cada dez entrevistados mencionaram a importância de cursos que facilitem a obtenção de um primeiro emprego. E outros sete em cada dez destacaram a necessidade de programas para complementar a educação formal que estejam em linha com as exigências do mercado.

Na pesquisa feita pela Arcos Dourados, oito em cada dez brasileiros de 16 a 24 anos disseram ter tido a formação educacional impactada pela pandemia do coronavírus: 32% tiveram adiamentos ou interrupções em seus estudos. E 48% afirmam a necessidade de apoio e ferramentas para os próximos anos.

Cursos

Os cursos oferecidos pela universidade corporativa “Hamburger University” vão além de apenas formar as bases da mão-de-obra. Também trazem conceitos que despertam o interesse pelo próprio negócio.

A formação de empreendedorismo, por exemplo, desenvolve habilidades para transformar ideias em projetos concretos. A ela se estende o curso de finanças pessoais, para a construção de um plano estratégico eficaz.

Na sequência, a capacitação de inteligência emocional compreende a importância de diferenciar, entender e controlar as emoções para alcançar os resultados planejados. Já o atendimento ao cliente ensina a liderar o time com gentileza e a desenvolver estratégias para melhorar a comunicação e fidelizar os clientes.

E, por fim, a formação de saúde e bem-estar em tempos de pandemia traz os protocolos sanitários necessários para uma melhor experiência de vendas, com hábitos e boas práticas recomendadas para trabalhar de forma segura e responsável.

Segundo Josane Julião, reitora da universidade corporativa, a própria instituição precisou reformular a estrutura de ensino por conta da pandemia do coronavírus, como a digitalização das formações e a abertura para a capacitação externa.

“Entendemos a complexidade que isso representa para os jovens da região e temos orgulho de fazer parte desta iniciativa. A educação é a nossa paixão e esperamos poder chegar ao maior número de jovens possível com esta ação”, completa.

Segundo a rede, foram investidos US$ 10 milhões para a produção de mais de 373 mil horas de cursos digitais para a formação dos funcionários no continente, em 380 cursos em temas operacionais, acadêmicos e de desenvolvimento pessoal.

Os cursos da universidade corporativa do McDonald’s podem ser acessados gratuitamente aqui, com conteúdos em português e em espanhol.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]