Restaurantes

Conceito

Pão Prosa tem autosserviço e mesa compartilhada

O modelo da padaria e confeitaria, localizada no Cristo Rei, foi inspirado na belga Le Pain Quotidien

por Priscila Bueno, especial para a Gazeta do Povo Publicado em 15/04/2015 às 22h
Compartilhe
Autosserviço é um dos pontos fortes da confeitaria. Foto: Fred Kendi/Gazeta do Povo

Autosserviço é um dos pontos fortes da confeitaria. Foto: Fred Kendi/Gazeta do Povo

Carinhosamente chamada de padoquinha, a Pão Prosa Panetteria e Confeitaria, localizada no Cristo Rei, apresenta um conceito pouco comum em Curitiba: o autosserviço, no qual você mesmo escolhe os seus pães (e, portanto, pode optar pelos branquinhos ou torrados, conforme a sua preferência) que saem do forno que fica dentro da loja.

Também estão disponíveis no sistema, tortas individuais, madeleines, empadas e broas especiais, entre outros itens. Se deu certo? O local vai completar três anos em junho e a mesa coletiva é disputada em alguns horários.

Os proprietários são Viviana Cocco e o marido, Leandro Coelho, dois professores universitários. A inspiração para o negócio vem da história de Viviana, que tem uma família numerosa no Rio Grande do Sul e convivia com fornadas de pão e bolachas confeitadas servidas pela avó. “A minha mãe também tinha uma mão boa e sempre quis abrir um negócio”, conta.

Torta alemã em porção individual (R$ 6,50). Foto: Divulgação

Torta alemã em porção individual (R$ 6,50). Foto: Divulgação

O local tem bicicletário e uma estante recheada de livros para adultos e crianças.

A opção pelo autosserviço foi inspirada na panificadora Le Pain Quotidien, que ela conheceu na Bélgica. Aliás, a pesquisa em padarias internacionais sempre fez parte do cotidiano dos dois, que normalmente viajam para congressos. “Quando viajo, escolho ficar sem o café da manhã do hotel para poder consumi-lo em cafés e panificadoras.”

O rol de produtos que fazem sucesso é grande. O folhado de goiaba e gorgonzola (R$ 5) sai às quartas e sábados. A broa de nozes e cranbery (R$ 39,90 o quilo) tem fornadas diárias.

Há empadas (R$ 5) de palmito e de frango. A quarta-feira é o dia dos vegetarianos. No dia da reportagem, o sanduíche era de beringela, abobrinha e tomate assados, cenoura ralada e alface (R$ 8).

Foto: Fred Kendi/Gazeta do Povo

Variedade de sabor. Foto: Fred Kendi/Gazeta do Povo

Para as formiguinhas há os bolos sensação (recheado com leite condensado e morango) e de doce de leite, castanha-do-pará e damasco (custam R$ 45 o quilo), entre outros.

Os mais comedidos ou quem quer experimentar as várias opções, podem ficar com as tortas individuais (limão e mousses por R$ 6,50 e maçã e banana por R$ 5).

Para beber, além do tradicional espresso (R$ 3,50) feito com grãos Orfeu, e cappuccino Prosa (espresso, leite, raspas de chocolate e canela, R$ 7), ainda tem sucos.

As limonadas de framboesa e de gengibre, além do raio de sol (laranja, cenoura e gengibre) custam R$ 7 cada um. A Pão Prosa serve sopas em embalagens de 500 ml e 1 litro para viagem nos dias mais frios.

Serviço: Rua Cel. Pedro Scherer Sobrinho, 233, Cristo Rei – (41) 3152-4059. Abre de segunda a sábado, das 7 às 20h30.

Compartilhe

8 recomendações para você