i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Degustação

Aprenda a avaliar um bom azeite de oliva apenas pelo sabor

  • PorMarina Mori
  • 06/12/2019 07:00
Foto: VisualHunt
Foto: VisualHunt| Foto:

“Coloque a copa nas mãos e gire assim para que todas las paredes fiquem besuntadas e os aromas se desprendam”, começa o uruguaio Victor Rodriguez. Depois de aquecer o vidro nas mãos por alguns minutos, o mestre oleário inspira o azeite de oliva e verte na boca os 15 mililitros do recipiente. Ele aponta para as bochechas indicando, em mímica, que o produto deve ocupar todos os espaços possíveis da mucosa. De repente, ele dá uma tragada abrupta no conteúdo de uma só vez.

O som de sucção e língua estalando enche o ar, mas segundos depois é abafado por uma tosse já esperada. “Esta é a picância. Começa aqui, no fundo da garganta”, diz Rodriguez entre um pigarro e outro.

A degustação é feita em recipientes de vidro azulado para que a cor do azeite não influencie a avaliação. Foto: Marina Mori / Gazeta do Povo
A degustação é feita em recipientes de vidro azulado para que a cor do azeite não influencie a avaliação. Foto: Marina Mori / Gazeta do Povo

Segundo o especialista, responsável pelos 250 mil litros de azeite de oliva extravirgem produzidos anualmente pela produção uruguaia Colinas de Garzón, a característica (picância) pode ser considerada uma qualidade especial em um bom azeite, seguida do amargor e do aroma.

Juntas, as três percepções formam os parâmetros essenciais da avaliação. “Todo azeite de oliva extravirgem precisa ter estes atributos. Porém, para ser considerado de boa qualidade, eles devem estar equilibrados entre si. Não adianta ter muito frutado [aroma] e, na boca, não mostrar as mesmas características, ou ser picante demais”, completa o sommelier de azeites Cláudio D’Auria.

Como avaliar um bom azeite de oliva em casa

Apesar de parecer algo muito técnico, a degustação pode ser uma boa tática para treinar o paladar. A dica é começar aos poucos e em tom de curiosidade. Na hora de temperar uma salada ou regar uma fornada de batatas assadas, preste atenção no aroma do produto, por exemplo. Depois, perceba se o sabor confirma o que você sentiu no nariz.

Se sentir vontade de ampliar as percepções sensoriais, dê uma chance à degustação mais elaborada, como Victor Rodriguez demonstrou.  No vídeo exclusivo, o mestre oleário dá mais dicas sobre o processo:

LEIA TAMBÉM

<< Seis azeites de oliva aromatizados e condimentados

<< Como escolher um bom azeite de oliva para o bacalhau?

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.