Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
ceia sorte
| Foto: Big Stock Photos

A virada do ano é marcada por diversas tradições. Vale pular onda, escolher a cor da roupa e até saborear a chamada comida da sorte, que, para quem acredita, ajuda a reunir energia para iniciar um novo ciclo atrás de mais prosperidade, sorte e harmonia. Quando se trata da comida, o ritual começa bem antes da ceia e tem tudo a ver com a cultura gastronômica de cada país.De acordo com o chef e professor do Centro Europeu, Vavo Krieck, entrevistado do último Mundo Bom Gourmet do ano, as tradições e superstições relativas à comida da sorte de lugar para lugar. "As mais recorrentes são relacionadas ao consumo de porco e peixe, já que esses animais se movem pra frente. As lentilhas também são comuns em muitos países e estão ligadas à fartura, abundância e fertilidade", explica o chef.

Já outros pratos são bem tradicionais em determinados países, como o Hoppin' John, que leva outro tipo de grãos que também estão relacionados à fartura. "É um prato feito com o Black Eyed Peas, parecido com nosso feijão fradinho, joelho de porco e arroz e é consumido na virada do ano", explica Vavo. No Japão, o lado curioso é o consumo de macarrão, uma tradição que começou no século 17. "A tradição é comer um macarrão tipo soba, que simboliza longevidade e a prosperidade.

Para a espiritualista da plataforma iQuilibrio, Juliana Viveiros, o segredo está não apenas na escolha dos ingredientes, mas, também, na preparação. "É importante estar com o pensamento positivo, almejando boas energias e transmitindo assim, vibrações poderosas”, ensina.

Ela explica que é possível ainda “mesclar” os pratos tradicionais do período, sem perder os “benefícios” da comida da sorte. “Para acompanhar o porco, pode-se fazer arroz com castanhas, frutas secas e lentilhas. Mas acima de tudo, a intenção e a energia são importantes na hora de cozinhar. Durante o preparo da ceia, tenha pensamentos positivos, vibrando por coisas boas. Antes de cear, reforce esses pensamentos e celebre com o coração aberto a chegada de um novo ano”.

Claro que tudo isso são superstições que fazem parte das tradições e culturas do ritual de passagem de ano. Mas, como a espiritualista Juliana Viveiros aponta, evitar a má sorte não custa nada.

Confira as indicações dos pratos para a ceia de Ano Novo

comidas que trazem sorte
| Big Stock Photos

Lentilha
Entre os pratos de ano novo, um dos mais famosos é a lentilha. Como o grão se assemelha a uma moeda, virou símbolo popular de fartura e riqueza. Portanto, comer pelo menos uma colher de sopa de lentilha, dizem, é o segredo para um ano de muita fartura.

Para fugir do grão cozido, o chef Rodrigo Cavichiolo fala que a lentilha pode ser adicionada ao arroz – símbolo de abundância e fertilidade. “Se preferir, também pode fazer um purê de lentilha que utiliza técnicas praticamente iguais as do purê convencional”, diz.

Já o chef Flávio Frenkel ensina que o cozimento da lentilha é parecido com o do arroz, ou seja, o grão não pode perder a consistência nem ficar muito duro. “Cada tipo tem um tempo. A verde é a mais rápida, por isso fique atento para não passar do ponto”, diz o chef. Em média, 30 minutos em panela normal, e de 10 a 15 minutos em panela de pressão.

comidas que trazem sorte
| Big Stock Photos

Romã
A fruta simboliza fertilidade e prosperidade, além de florescimento, crescimento e abundância. A simpatia com romã está associada ao Dia de Reis (comemorado no dia 6 de janeiro). Pela tradição, se deve guardar três sementes secas de romã. Mas não se esqueça: elas devem ser levadas na carteira durante todo o ano.

A romã pode ser utilizada em molhos para carnes e até em sobremesas.

Uva
A uva é uma das mais importantes frutas para ceia de ano novo. Comer uva no réveillon carrega grande simbolismo. Acredita-se que esse alimento pode trazer prosperidade e paz, por isso não pode faltar na ceia. O costume teve origem na Espanha. Lá as pessoas comem 12 uvas à meia-noite e guardam os caroços na carteira durante todo o ano.

comida da sorte
A figura do leitão inteiro colocado sobre a mesa traz a ideia da abundância para a ceia.| Big Stock Photos

Carne de porco
Cortes de porco como o pernil costumam ser o ingrediente principal da mesa na ceia do brasileiro e o símbolo maior da comida da sorte. Isto se tornou comum pois o porco simboliza progresso, já que é um animal que empurra, que move o focinho para frente. Além disso, a figura do animal inteiro colocado sobre a mesa (os leitões) traz a ideia da abundância.

No caso das carnes, o chef Cavichiolo alerta para o tempo de preparo. “O ideal é pré-preparar e deixar para finalizar poucos minutos antes de servir”, diz. Ele ensina que, se o tempo de forno é de 45 minutos, pode-se iniciá-lo na tarde do dia 31 de dezembro. “Desligue o forno quando atingir 35 minutos. Deixe os 10 minutos finais para quando for colocar a mesa”, ensina. Os molhos também devem ser acrescentados somente ao fim do preparo. Caso contrário, o interior ficará seco e por fora ficará mais queimado.

Peixe
O peixe também representa o progresso que se deseja alcançar no ano que está começando, por ser um animal que apenas se movimenta para frente. Além disso, ele é um dos principais símbolos relacionados à história de Jesus. Dessa forma, representa prosperidade e fartura.

Para os peixes, a regra de preparo é a mesma das carnes, o que mudam são os acompanhamentos. Por ser mais suave que o porco, a melhor opção é refogar pimentão, cenoura, salsão, cebola e temperos com uma folha de louro, que tem a fama de também trazer prosperidade.

Maçã
A maçã simboliza o sucesso, principalmente no amor. Por isso, é utilizada para alcançar um ano de conquistas positivas e nos relacionamentos. Para alcançar os “benefícios” da fruta durante a ceia de ano novo, basta dar uma mordida à meia-noite em uma maçã bem vermelha.

comida da sorte
| Big Stock Photos

Frutas Secas e nozes
Figo, amêndoas, nozes, passas, avelãs e tâmaras simbolizam sorte e fartura, e também passaram a fazer parte da lista de comida da sorte da ceia de ano novo, seja em forma cristalizada ou seca.

Confira os alimentos que se deve evitar

As superstições de Réveillon dizem que traz má sorte ingerir qualquer coisa que remeta ao passado, que indiretamente prejudica o avanço para o novo.

comidas da sorte
| Big Stock Photos

Aves
As aves que ciscam para trás, como o peru ou o frango, por exemplo, devem ser evitadas, já que representam o retrocesso, a dificuldade em seguir adiante.

Caranguejo ou siri
Pela mesma lógica, estes crustáceos andam de lado, reforçando a ideia de dificuldade de ir para frente com o que se deseja.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]