Restaurantes

centro histórico

No belo casarão do antigo Farnel, A Caiçara serve comida do litoral

O restaurante, inaugurado em janeiro, em Curitiba, tem pratos como barreado, feijoada de frutos do mar e salada de chuchu com camarões

por Júlia Ledur Publicado em 25/07/2017 às 09h
Compartilhe

Uma viagem ao litoral sem sair de Curitiba. Essa é a proposta do restaurante A Caiçara, inaugurado no fim de janeiro no belo casarão onde antes funcionava o Farnel, casa especializada na comida paranaense de raiz.

O menu típico e a localização turística – o calçadão do Largo da Ordem – permitem um passeio por uma culinária caiçara modernizada, que mistura influências da comida litorânea do Sudeste e do Sul do Brasil. A cozinha do restaurante é comandada pelo chef Fredy Ferreira, proprietário do Bar do Fogo, também no bairro São Francisco.

  • Quintal do restaurante. Foto: Divulgação
  • Fachada do A Caiçara. Foto: Divulgação
  • Jardim da casa. Foto: Divulgação
  • Salão interno de mesas. Foto: Divulgação

O nome do estabelecimento é uma homenagem à avó de uma das sócias, Lívia Farah, que é caiçara de Paranaguá. “Conversamos muito com ela para montar o cardápio”, conta Lívia. A escolha do tipo de cozinha também foi influenciada pela localização da casa. “Pensávamos em aproveitar o ponto e continuar servindo comida brasileira. Mas como abordar essa comida de um jeito diferente? Depois que vimos o jardim, lembramos de praia e da cozinha caiçara”, conta o chef Fred Ferreira. “A gente entendia que o Farnel já tinha construído uma identidade paranaense forte aqui, bem no Centro Histórico, e resolvemos seguir essa vocação histórica e turística do lugar”, comenta o sócio Heitor Humberto.

O estilo da cozinha é marcado pelos ingredientes frescos. No menu, o tipo de peixe, por exemplo, não é especificado. “O povo caiçara não estocava alimentos. E aqui trabalhamos só com o que tem fresco no dia. Não usamos congelados”, explica Fredy Ferreira. A decoração do ambiente, com quadros regionais, também remete à estética e identidade do povo caiçara. Nos fundos do restaurante, um jardim amigável e ensolarado abriga mesas em um clima litorâneo.

Confira os pratos do menu do A Caiçara

  • a-caicara-ceviche
  • a-caicara-cevicheCeviche à Caiçara, feito com pescado do dia cozido no limão rosa com cebola roxa, cebolete, milho tostado, tomate, pimentões chuchu, coentro e lascas de coco. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Mariscos ao vinagrete. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Salada mista à caiçara, que leva mix de folhas, pupunha, tomate, milho, cebola, picles, coco e chips de banana. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Porção de bolinhos. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Iscas de peixe. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Mandioca frita com bacon. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Saladinha de chuchu com camarões, cheiro verde e cebola roxa. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Linguini ao molho de camarões. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Barreado com banana. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Moqueca de pupunha e banana-da-terra. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Feijoada de frutos do mar. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Prato executivo. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Banana-da-terra flambada com açúcar e canela. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação
  • Cheesecake com compota do dia. Foto: Daniela Carvalho/Divulgação

Para começar, a dica é pedir a saladinha de chuchu com camarão (R$ 21,20), referência ao refogado de chuchu com camarão que é um clássico da culinária caiçara. A casa serve uma amostra do prato como cortesia para provar ao cliente que chuchu é uma delícia. Na seção de entradas, também tem o bolinho de siri (R$ 13,40) e o ceviche Caiçara (R$ 23,90), feito com pescado do dia no limão rosa com cebola roxa, cebolete, milho, tomate, pimentões, chuchu, coentro e lascas de coco. A casa também serve oito opções de petiscos para quem procura uma refeição mais informal.

Como prato principal, prove a feijoada de frutos do mar, um prato que resume o encontro entre Brasil e Portugal. O preparo é feito com feijão branco, cortes suínos e frutos do mar e acompanha arroz, farofa de banana e vinagrete. A porção individual custa R$ 43,90 e o prato para duas pessoas sai por R$ 79,80. O menu inclui ainda o típico barreado (R$ 37,80), feito com bacon e cominho e acompanhado de farinha de mandioca de Morretes, e a moqueca de pupunha e banana-da-terra, opção vegana. Este sai por R$ 36,90 (individual) e R$ 69,80 (para duas pessoas).

A casa também serve pratos executivos, com arroz, feijão, farofa de banana e mandioca frita ou cozida e alcatra (R$ 28,90), filé de peixe (R$ 29,90) ou pupunha grelhada (R$ 29,90). Entre as sobremesas, destacam-se a banana-da-terra flambada com açúcar e canela (R$ 10,80) e a cheesecake com compota do dia (R$ 14,40).

Compartilhe

8 recomendações para você