Restaurantes

Roteiro

12 lugares em Curitiba com pratos sem glúten

O Bom Gourmet fez um giro pelos lugares que, além de oferecer a culinária tradicional, têm opções sem a proteína

por Priscila Bueno, especial para a Gazeta do Povo Publicado em 22/07/2015 às 10h
Compartilhe

Alessandro & Frederico

O prato sem a proteína é o penne com abobrinhas e camarões (R$ 46). Foto: Divulgação.

O prato sem a proteína é o penne com abobrinhas e camarões (R$ 46). Foto: Divulgação.

Na casa da rede que fica em Curitiba (são seis no Brasil), o cardápio agrada a todos. São pizzas, massas, saladas, sanduíches, mesa de antepasto e churrasco de carnes nobres na brasa. O prato sem a proteína é o penne com abobrinhas e camarões (R$ 46). Outras opções igualmente saborosas são a polenta com funghi fresco (R$ 26) e lasanha de berinjela (R$ 38).

Serviço
Av. do Batel, 1868, piso L3 (Shopping Pátio Batel), Batel – (41) 3020-3727. Abre diariamente, das 12 às 23 horas.

***

Brownie da Luli

Brownie sem glúten. Foto: divulgação.

Brownie sem glúten. Foto: divulgação.

Os brownies são feitos com chocolate belga, cacau em pó 100% e um mix para a substituição do trigo. São cinco sabores de brownie – tradicional, flor de sal, avelã, paçoca, sem lactose – e um blondie (brownie com chocolate branco) de goiabada também sem lactose. Custam a partir de R$ 3,50 (40 g). Eles são vendidos em 15 estabelecimentos.

Serviço
Rua Curupaitis, 1654, loja 08, Santa Quitéria – (41) 9718-1957/8898-8505.

***

Caramelodrama

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Na confeitaria, que prima pelo pouco uso de açúcar e nada de conservantes e aditivos químicos, há várias gostosuras sem glúten. Vai ser difícil escolher entre a Lamponiglia, bavaroise de baunilha com framboesas e calda de framboesa, crocante de amêndoas e pétalas de rosas desidratadas (R$ 13,95, a fatia), a Mango star (torta gelada de dacquoise de amêndoas, mousse de manga, geleé de morangos e frutas frescas, R$ 12,45) e o tiramisù, mousse de mascarpone artesanal com calda de café espresso e cacau belga, crocantes de chocolate branco, R$ 12,70.

Serviço
Alameda Pres. Taunay, 434, Batel – (41) 3206-2271. Abre segunda, terça e sábado, das 10 às 19 horas e quarta, quinta e sexta, das 10 às 20h30.

***

Chokolat

Chocolate sem glúten. Foto: Divulgação.

Chocolate sem glúten. Foto: Divulgação.

Na chocolateria, são vários os itens sem o ingrediente. Entre os salgados, omelete (R$ 17) e waffle (a partir de R$ 17). No rol de doces, muffin de blueberries, waffle, chocolates (R$ 3,50 cada) e verrines (a partir de R$ 9).

Serviço
Av. Batel, 1190, Batel – (41) 3527-1639. Abre de terça a sábado das 14 às 21 horas e domingos, das 14 às 20 horas.

***

Comidália

No buffet por quilo da Comidália, todos os pratos têm identificação se são ou não livre de glúten. Eventualmente é oferecida uma massa sem a proteína. Já figuraram no buffet, macarrão alho e óleo, carbonara e bolopagna (molhos bolognesa e bechamel), além de pão de queijo, hambúrguer de quinoa, falafel, etc. Tem opções tradicionalmente sem a proteína, como polenta e couscous.

Serviço
R. República Argentina, 30, Água Verde – (41) 3049-0130. Abre de segunda a sexta, das 11h30 às 14 horas e das 16 às 19 horas.

***

Fita Crepe

Fitaburger Cheddar, com hambúrguer de fraldinha de 120g, cebola caramelizada ao shoyu e queijo cheddar (R$ 32), com fritas. Foto: Divulgação.

Fitaburger Cheddar, com hambúrguer de fraldinha de 120g, cebola caramelizada ao shoyu e queijo cheddar (R$ 32), com fritas. Foto: Divulgação.

Primeiro gastrobar 100% livre de glúten, no Fita Crepe não faltam boas sugestões. São petiscos, crepes, saladas e pratos. Prove o Fitaburger Cheddar, com hambúrguer de fraldinha de 120g, cebola caramelizada ao shoyu e queijo cheddar (R$ 32), com fritas. Outra dica é o pastel recheado com feijoada e couve (R$ 14,90, com 8). Para beber, há a dica da cerveja sem glúten Lake Side (R$ 28,90, 600 ml).

Serviço
Rua Itupava, 1670, Alto da XV – (41) 3779-0963. Abre de terça a domingo, das 17 até a 1 hora.

***

La Basque

Na La Basque, além de sorvetes, há pratos e petiscos. Algumas das opções são os crepes sem a glúten (de R$ 18 a R$ 21), a coxinha de batata doce (R$ 6) e as sopas, com a de batata salsa e espinafre, canja e ervilha (R$ 16,50).

Serviço
Av. Cândido Hartmann, 380, Mercês — (41) 3077-5878. Abre de segunda a quarta de 11h às 20h; de quinta a domingo de 11h às 22h.

***

La Pasta Gialla

Fusilli ao creme de abóbora com presunto cru e amêndoas e do tagliatelle ao pomodoro com fonduta de queijos e pesto. Foto: divulgação.

Fusilli ao creme de abóbora com presunto cru e amêndoas e do tagliatelle ao pomodoro com fonduta de queijos e pesto. Foto: divulgação.

No restaurante, todas as massas secas do cardápio podem ser substituídas pela massa sem glúten, sem alteração de preço. Caso do fusilli ao creme de abóbora com presunto cru e amêndoas e do tagliatelle ao pomodoro com fonduta de queijos e pesto. As massas secas estão entre R$ 38,50 à R$ 57.

Serviço
R. Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 600 (Park Gourmet — ParkShopping Barigui), (41) 3317-6910. Abre segunda e terça, das 12 às 23 horas; quarta a sábado, das 12 à meia-noite e domingo, das 12 às 22 horas.

***

NY Café

Panquecas. Foto: Divulgação

Panquecas. Foto: Divulgação

No café há desde porções, passando por pratos principais até sobremesas sem a proteína. Tomates verdes fritos, empanados com fubá; peito de frango com gergelim ao molho de laranja agridoce, arroz com cebolinha, cogumelo e legumes no shoyu; panqueca vegan; white flourless são alguns dos pratos.

Serviço
Rua XV de Novembro, 2.916, Alto da XV, (41) 3077-6922. De terça à sábado das 12 às 23 horas e domingo das 12 às 22 horas.

***

Limoeiro Casa de comidas

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

No restaurante, o cardápio tem indicações de pratos sem glúten e sem lactose. Como entrada, vá de Laksa (R$ 18,90), sopa da Malásia, pasta de arroz (bifun), shitake, leite de coco, legumes e especiarias. Como prato principal, algumas das opções são o salmão grelhado com tagliatelle de pupunha ao molho de parmesão e chutney de manga (R$ 48,90) ou leitão no tacho com quirera cremosa (R$ 32,90).

Serviço
Av. Mal. Humberto Alencar Castelo Branco, 669, Cristo Rei – (41) 3014-8014. Abre de terça a sexta, das 11h30 às 14h30; sábado e domingo, das 11h30 às 15h30. Jantar de terça a sábado, das 18h30 às 23h.

***

Petit Chateau

A diferença do fondue tradicional, é que o pão sem trigo – um dos acompanhamentos – é feito na casa (para evitar contaminação cruzada). Foto: divulgação.

A diferença do fondue tradicional, é que o pão sem trigo – um dos acompanhamentos – é feito na casa (para evitar contaminação cruzada). Foto: divulgação.

Além da versão tradicional, a casa tem a opção sem glúten visto que a proprietária é celíaca. A diferença é que o pão sem trigo – um dos acompanhamentos – é feito na casa (para evitar contaminação cruzada). O valor por pessoa é o mesmo do fondue normal, R$ 99,90.

Serviço
Manoel Ribas, 5039, Santa Felicidade — (41) 3372-0003. Funciona de segunda a sábado das 19 às 23 horas.

***

Veg & Lev

Moqueca de pupunha (R$ 27) leva o palmito, pimentões, alho-poró e coentro e acompanha arroz cateto com vermelho e farofa de banana. Foto: divulgação.

Moqueca de pupunha (R$ 27) leva o palmito, pimentões, alho-poró e coentro e acompanha arroz cateto com vermelho e farofa de banana. Foto: divulgação.

No restaurante, que segue uma linha mais saudável, há inúmeros pratos sem glúten. A moqueca de pupunha (R$ 27) leva o palmito, pimentões, alho-poró e coentro e acompanha arroz cateto com vermelho e farofa de banana. Outras sugestões são o risoto de pinhão com funghi (R$ 29,90), o bobó de pinhão (R$ 29,90) e o risoto de arroz de negro (R$ 28,90). Para finalizar, a banoffi desconstruída à moda da casa, sem glúten, lactose e açúcar (R$ 9,90).

Serviço
Alameda Prudente de Moraes, 1218, Batel — (41) 3121-1218. Abre de segunda a sexta-feira, das 11h30 às 14h30 e aos sábados, das 12 às 15 horas.

***

Faça massa sem glúten em casa

sem gluten

>>> Se você quer fazer uma massa sem glúten em casa, o blogueiro do Bom Gourmet, Luiz Augusto Xavier, traz um post sobre a Juliana Massas Frescas sem Glúten.

Compartilhe

8 recomendações para você