Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Close up waitress hand give food box to deliverly man to deliver it to customer make online order. Food deliverly service concept in new normal after coronavirus pandemic.
Close up waitress hand give food box to deliverly man to deliver it to customer make online order. Food deliverly service concept in new normal after coronavirus pandemic.| Foto:

A Turtle Box é uma startup brasileira que desenvolveu um modelo de logística reversa para embalagens de alimentos enviados por delivery. O objetivo da empresa é oferecer uma solução mais sustentável para operações de food service, reduzindo o uso de embalagens descartáveis de plástico e papelão.

Com essa ideia ambientalmente responsável, a empresa conquistou o 2º lugar no UNLEASH Hacks Brasil 2020, um laboratório global de inovação que tem como foco o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (ODS). O evento reúne anualmente mais de mil talentos de vários países.

No ano passado, a edição brasileira ocorreu nos dias 21 e 22 de novembro e contou com a participação de 56 pessoas de diferentes nacionalidades, como brasileiros, chineses, britânicos, holandeses e quenianos.

A edição 2020 do UNLEASH Hacks Brasil buscou prototipar soluções para o enfrentamento à crise causada pela pandemia de Coronavírus e para atender o ODS 9 e o ODS 13 da ONU, que tratam, respectivamente, da criação de infraestrutura sustentável e de qualidade para apoiar o desenvolvimento econômico e da adoção de medidas para combater as mudanças climáticas e seus impactos.

Para chegar à fase final do laboratório, a equipe da Turtle Box teve que aprimorar o protótipo da solução e fazer um pitch, ou seja, uma apresentação verbal com argumentos consistentes que convencessem os jurados sobre a relevância do modelo de negócio no contexto ambiental.

“Essa premiação foi muito importante para nós, pois reconheceu o impacto positivo que trazemos ao planeta e submeteu nossa solução à aprovação de diversos especialistas na área ambiental do mundo todo” explica Igor da Cunha Felix, um dos idealizadores da empresa.

Essa foi a primeira edição brasileira do UNLEASH Hacks. O evento foi 100% online e gratuito. Pela conquista do segundo lugar, a Turtle Box ganhou US$ 300, o equivalente a R$ 1,5 mil.

Solução de impacto socioambiental 

A Turtle Box propõe uma solução importante e viável para a operação de um serviço de delivery sustentável. Em um país como o Brasil, onde apenas o iFood registra mais de um milhão de pedidos de delivery por aplicativos por dia, o sistema de logística reversa de embalagens proposto pela startup tem um significativo impacto socioambiental, evitando que uma grande quantidade de materiais descartáveis pare nos aterros sanitários.

A startup trabalha com a oferta de embalagens reutilizáveis. O processo ocorre da seguinte forma: os consumidores finais pedem sua refeição em um aplicativo de entrega e optam por receber seu pedido em uma embalagem Turtle Box.

Após o consumo, o cliente preenche um formulário e escolhe quando a Turtle Box pode retirar as embalagens. A empresa então recolhe, higieniza e as devolve aos restaurantes para um novo ciclo de uso.

Turtle Box no Bom Gourmet Stage 

A Turtle Box participa do Bom Gourmet Stage, programa de aceleração de startups de food service. A empresa vem recebendo mentoria e mídia do Bom Gourmet e participará de uma rodada de negócios para atrair investidores, em março desse ano. Para saber mais sobre a solução da Turtle Box, acesse o site oficial da startup.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]