Eventos

Festa da colheita

Festa em SC tem colheita de toneladas de uva e cardápio da Mata Atlântica

A Vindima da vinícola Abreu Garcia, de Campo Belo do Sul, na Serra Catarinense, é realizada no próximo fim de semana

por Aline Torres, de Florianópolis, especial para o Bom Gourmet Publicado em 25/03/2019 às 17h
Compartilhe

De entrada, mix de folhas orgânicas, uvas cabernet da safra 2019, queijo de ovelha, lâminas de beterraba, pinhão, vinagrete de araçá e goiaba serrana. Para o prato principal, ravióli de queijo serrano e poejo, ragu de pastrami Hereford, roti de maçã e raspas de casca d’anta. E de sobremesa, sponge cake de mel da serra, sorvete de coalhada, gel de jabuticaba, crocante de uvaia e araçá amarelo. Se perdeu ao ler o cardápio?

campobelodosul-vindima-vinicolaabreugarcia-fotovindima2019

Vinícola Abreu Garcia de Campo Belo do Sul, na serra catarinense. Foto: Divulgação Vindima 2019.

É que ele é feito integralmente com produtos da Mata Atlântica, bioma composto por múltiplas florestas, ricos ecossistemas, biodiverso e completamente devastado – resta 12,4% do território, e um dos motivos da degradação é que ele não está na mesa dos brasileiros. Na ânsia da exploração positiva do potencial gastronômica da Mata Atlântica – e, portanto, da criação de uma estratégia de preservação -, nasceu uma ação inédita em Santa Catarina.

Coordenada pela professora Fabiana Mortimer, do IFSC (Instituto Federal de Santa Catarina), com apoio de professores do campus Florianópolis Continente, Lages e Urupema, abraçada pelos chefs Pedro Soares e Fabrício Kleis e registrada pela fotógrafa Vanessa Alves, da Gastroteca, pela primeira vez no estado foram unidas as duas pontas da cadeia num modelo de negócio eficiente.

Festa da colheita

Frutos Mata Atlântica

O almoço da vindima é preparado com frutos nativos da Mata Atlântica. Foto: Vanessa Alves/divulgação.

O cardápio é atração da vinícola Abreu Garcia, de Campo Belo do Sul durante a Vindima, a grande celebração da colheita das uvas que ocorre em março na serra catarinense. São previstas até 50 mil pessoas e serão colhidas das parreiras verdinhas mais de um milhão de quilos de uva.

Neste ano a comemoração é especial, pois marca o 20º aniversário do início do plantio de uvas de altitude, bebidas que somam muitos prêmios no Brasil e no exterior. Durante todo o mês de março, a Vindima é comemorada como um grande aniversário. As festas são em praça pública e em 14 vinícolas. Mas, a Abreu Garcia se destacou com o cardápio nativo.

>> Leia também: Como é o evento que tem open de vinho e assados do maior chef churrasqueiro do mundo

A experiência com o cardápio da Mata Atlântica será realizada nos fins de semana 30 e 31 de março, das 11h às 15h. Os visitantes são convidados a conhecer a vinícola, sua história e produção, podem degustar cinco rótulos e provar um almoço único, que ainda tem opção de prato principal vegano com ragu de couveflor e cogumelos, raspas de casca d’anta, quirera com tofu defumado e roti de maçã ou uma massa para celíacos com esses condimentos. O custo por pessoa é de R$ 160.

Ingredientes regionais

Festa vindima

Entre os pratos servidos na festa da vindima há até mesmo uma versão vegana. Foto: Vanessa Alves/divulgação.

A ideia dessa ação surgiu de conversas entre Fabiana e Pedro em janeiro. Eles fazem parte do grupo Cidade Criativa Unesco da Gastronomia, título que Florianópolis ganhou em 2014. Em frentes diferentes, eles têm objetivos comuns: valorizar produtos locais e evitar desperdícios ao desbravar a sociobiodiversidade da Mata Atlântica.

Fabiana é uma pesquisadora dedicada e coordena há quatro anos o Núcleo de Estudos em Gastronomia do IFSC, e Pedro é o chef talentoso da Abreu Garcia que fez a ponte final. Em conjunto com os outros voluntários eles fizeram a Expedição Mata Atlântica, no último dia 8, para visitar produtores agroecológicos e descobrirem riquezas subaproveitadas. Viram muitas frutas nativas apodrecendo no chão ou alimentando gado.

“Como não há procura por esses produtos, eles não geram renda. Consequentemente, os produtores não dão valor. Estamos trabalhando para mudar essa cultura”, disse Fabiana.

>> Leia também: A Campanha Gaúcha quer ser referência nacional na produção de vinhos

Pedro comentou que tem mais facilidade para comprar cogumelos secos dos Yanomani, etnia que vive no extremo noroeste de Roraima, do que araçá amarelo, frutinha produzida perto de Florianópolis.

A Vindima na Abreu Garcia é apenas o embrião de um projeto que irá longe. Vai ganhar nome, identidade, menu maior, e eles muitos adeptos como chefs, empresários e clientes. Pessoas que apreciam comida boa e saudável para o planeta.

Serviço:
Vinícola Abreu Garcia – BR-282, km 266, Campo Belo do Sul (SC). (49) 3241-7600.

Compartilhe

8 recomendações para você