Restaurantes

Comida de rua

Votação da lei dos food trucks é adiada

Projeto, que seria avaliado nesta quarta-feira (10), só voltará à pauta da Câmara Municipal em março

por Gazeta do Povo Publicado em 10/12/2014 às 12h
Compartilhe

A votação do projeto de lei dos food trucks em Curitiba, que aconteceria nesta quarta-feira (10), foi adiada mais uma vez e deverá voltar à pauta da Câmara Municipal somente em março de 2015. A decisão foi tomada pela manhã entre o autor da proposição, o vereador Helio Wirbinski (PPS), entidades representantes de bares e restaurantes e o secretário municipal de Urbanismo, Reginaldo Cordeiro.

O motivo para o adiamento, de acordo com Wirbinski, é ter mais prazo para levar o projeto para a votação já com a regulamentação para a atividade descrita. O texto ainda não contempla estas regras, embora aponte que elas são necessárias para a execução da lei. “Hoje [quarta-feira] iríamos aprovar um escopo em primeiro turno e a segunda votação só ocorreria após as discussões dos detalhes entre os setores envolvidos e a prefeitura, o que poderia atrasar ainda mais a votação e aprovação do projeto”, escreveu em sua página oficial no Facebook.

As discussões sobre a regulamentação ganharam corpo após entidades que representam bares e restaurantes da capital demonstrarem insatisfação com o texto inicial, que não deixava claro as regras para funcionamento do food truck — como distância para estabelecimentos gastronômicos, locais de paradas e número de alvarás concedidos. A ideia é que esta parte do texto seja feita em conjunto entre idealizador e setor.

 

Compartilhe

8 recomendações para você