Jonas Brothers: início do show no Rio foi com o Queen | Reprodução/André Durão/G1
Jonas Brothers: início do show no Rio foi com o Queen| Foto: Reprodução/André Durão/G1

Idolatrados pelas meninas e copiados pelos rapazes, os Jonas Brothers fazem jus ao título de nova sensação dos adolescentes. O show do trio americano, na noite deste sábado (23), na Praça da Apoteose, no Rio de Janeiro, teve de tudo um pouco: emoção, irreverência e até mesmo alguns passes de acrobacia. Motivo de sobra para provocar histeria entre os 18.5 mil fãs que lotaram o evento.

Com apenas três álbuns lançados, o grupo causou, sem dúvida, o maior frisson entre crianças e adolescentes durante a sua passagem pelo Rio. Não é para tanto, os Jonas, como são carinhosamente chamados pelos seus fãs, já foram indicados ao Grammy e já venderam 12 milhões de cópias no mundo todo.

Que iria ser uma grande noite, isso todos os fãs já sabiam. O que eles não contavam foi com a satisfação do grupo, várias vezes declarada por Nick, de16 anos, Joe, de 19, e Kevin, de 21, em se apresentar no Brasil. Em 1h30 de espetáculo, o trio fez a plateia cantar em coro seus maiores sucessos, deixando os fãs em estado de êxtase.

Visivelmente nervosas e ansiosas para o início do show, as amigas, Amanda Monteiro e Victória Vidal, ambas de 12 anos, e Mariana Amora, de 13, contavam as horas para verem os seus ídolos de perto. A tietagem era tão grande, que as meninas se produziram especialmente para esta noite.

Mesmo quem ficou um pouco mais longe, nas arquibancadas dos setores 13 e 6 do Sambódromo, arrumou uma maneira de chamar a atenção. Bem próximo à grade de proteção, a mineira Cinthia Santoro, de 18 anos, declarava seu amor ao grupo com uma faixa de cinco metros. "Vale de tudo, eles vão ver", gritou a moça.

Fenômeno Jonas

Luzes apagadas, corre-corre e muita histeria. Essa foi a deixa para o momento mais aguardado da noite. Ao som da famosa batida de We will rock you, do Queen, os Jonas Brothers subiram ao palco da Apoteose às 19h30, por trás de um grande pano branco. A gritaria foi tanta, que mal podia se ouvir a primeira canção executada pelos rapazes, That’s just the way we roll.

Não demorou muito para Nick e Kevin motrarem os seus dotes acrobáticos. Com saltos, chutes e cambalhotas, os irmãos literalmente "se jogaram" no palco. O espírito brincalhão do grupo permanceu em Video girl, quando Joe pegou uma câmera e filmou os fãs, que, neste momento, já faziam esforço para aparecer nos telões.

O clima de romance ganhou espaço ao som do hit Gotta find you. A cantora Demi Lovato foi chamada ao palco para uma participação especial em This is me, sucesso do filme Camp rock.

Show à parte

Durante os sucessos Tonight, Year 3000 e Paranoid um quarteto formado por saxofonistas e trompetistas chamou a atenção pela alegria e simpatia. Com roupas ao estilo Jonas, eles ensaiavam passes de dança e brincavam com os irmãos.

Entre olhares, gestos e passes, os Jonas Brothers saudaram todos com um "oi". O suficiente para levar as adolescentes ao delírio. Emocionado, Nick fez questão de agradecer o carinho do público antes da balada A Little bit longer.

"Obrigado por terem vindo. É uma honra estar aqui, nesse país maravilhoso. Vocês sem dúvida estão entre os melhores públicos do mundo. Isso nos faz querer voltar", disse o cantor adolescente diante de um piano branco.

Os hits When you look me in te eyes, Hello beautiful e Love bug também foram lembrados. Mais uma vez, Joe demonstrou o seu carinho pelo país ao segurar uma bandeira do Brasil. O clima contagiante em Play my music foi tão grande que até os pais, que estavam sentados, dançaram. Kevin, por sua vez, rodopiou com sua guitarra.

Na parte final do show, os Jonas Brothers fizeram questão de subir ao palco com a camisa da Seleção Brasileira. Foi ao som de S.O.S que o trio se despediu do público carioca por volta das 21h. A imagem de bons moços ficou evidente durante todo o show. Mesclado ao talento, simpatia e som, talvez seja esse o segredo do sucesso do grupo, que deixou a Apoteose com gostinho de quero mais.

Antes dos Jonas Brothers, quem se apresentou foi Demi Lovato, de 16 anos. Se na telona a cantora adolescente cresce e aparece ao encarnar uma estrela pop com os irmãos no filme "Camp rock", na vida real ela é a atração de abertura dos shows durante a turnê.

Vestindo um casaco preto e a camisa da Seleção Brasileira, a moça agradou aos fãs ansiosos que esperavam os Jonas. Ao som de ‘La la land’, ela esquentou o público com o melhor do pop rock. Em "Don’t forget", a diva se emocionou ao falar da recepção brasileira.

"É muito gratificante, para mim, estar em outro país e ouvir todos vocês cantando as minhas músicas inteiras. Não tenho palavras para expressar o que eu estou sentido agora", disse.

A apresentação no Rio de Janeiro foi apenas a primeira dos Jonas Brothers no Brasil. Neste domingo (24), o trio segue para São Paulo para se apresentar no Estádio do Morumbi.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]