Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Blindagem encerra programação que se estende por todo o sábado (23) | Divulgação/
Blindagem encerra programação que se estende por todo o sábado (23)| Foto: Divulgação/

Um palco montado na Boca Maldita vai receber shows promovidos pela Oficina de Música de Curitiba neste sábado (23), das 11h às 19 horas.

A primeira atração é a banda curitibana Gentileza, que lançou em 2015 seu segundo álbum, “Nem Vamos Tocar Nesse Assunto”. O grupo mistura rock a gêneros variados e dançantes para embalar canções com letras espertas e bem-humoradas.

Às 13h, quem assume é o sanfoneiro João Pedro Teixeira e o Octeto de Acordeons. Com uma formação completa, que inclui sanfona de oito baixos e concertina, eles vão apresentar músicas de Hermeto Pascoal com arranjos do próprio Bruxo. Elas foram gravadas por Teixeira no disco “Universalizando o Acordeon” (2015), que também contou com a produção de Hermeto.

Programação

Confira os horários das apresentações:

11h – Banda Gentileza

13h – João Pedro Teixeira e Octeto de Acordeons

15h – Cida Airam

17h – Felipe Cordeiro e Manoel Cordeiro

19h – Blindagem

Na sequência, a cantora potiguar radicada no Paraná Cida Airam apresenta o show de seu primeiro disco solo, lançado em 2015. Ela interpreta canções de compositores como Arrigo Barnabé e de nomes de Curitiba como Luiz Felipe Leprevost, em um trabalho que reúne ritmos tradicionais da música brasileira.

O convidado de fora, que promete outro show animado, é o cantor, compositor e guitarrista paraense Felipe Cordeiro. Ao lado do pai, o também guitarrista Manoel Cordeiro, ele apresenta o show de seu disco mais recente, “Se Apaixone Pela Loucura do Seu Amor”, lançado em 2013.

Cordeiro mistura pop e referências oitentistas a ritmos dançantes tradicionais no Pará, como a lambada e a guitarrada, e escreveu suas canções com parceiros como Arnaldo Antunes. O músico ficou conhecido com o elogiado disco “Kitsch Pop Cult” (2012), que trazia uma abordagem mais conceitual das misturas das tradições de seu estado com referências como a Vanguarda Paulista.

O encerramento da programação deste palco fica por conta da Blindagem, atualmente formada por lberto Rodriguez (guitarra), Paulo Juk (baixo), Paulo Teixeira (guitarra), Rodriggo Vivasz (vocal) e Rubén “Pato” Romero (bateria). A veterana do rock curitibano completou 40 anos de fundação em 2015. O grupo entrou no estúdio no fim do ano passado para gravar antigas canções de Paulo Leminski e do ex-vocalista da Blindagem Ivo Rodrigues (1949-2010).

A iniciativa de montar um palco na Boca Maldita como parte da programação da Oficina é um projeto antigo do evento, que almeja atingir uma parcela maior da população de Curitiba com atividades abertas.

Outros shows

Depois da programação na Boca Maldita, a Oficina de Música continua no sábado no Teatro da Reitoria, onde o cantor Renato Braz apresenta às 21 horas as canções de “Canela”, álbum que gravou com o Quarteto Maogani.

Mais tarde, o tradicional Grande Baile da Oficina acontece no Forró Calamengau, às 22 horas. No Circuito Off, a festa acontece no Jokers, a partir das 21 horas, horário em que os alunos da Oficina abrem a Noite da Música Eletrônica, que será comandada pelos DJs Rafael Araujo, Dazinski, Positive Action e Dancko a partir das 23 horas.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]