i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
teatro NFANTIL

Princesas, flores e monstros no palco

Dois espetáculos com texto de José Saramago e muita fantasia estreiam no Villa Hauer Cultural

  • PorHelena Carnieri
  • 14/05/2015 17:58
A Princesa Cansada e o Animal Bocejante é uma das atrações para crianças do fim de semana. | Nilton Russo/Divulgação
A Princesa Cansada e o Animal Bocejante é uma das atrações para crianças do fim de semana.| Foto: Nilton Russo/Divulgação

O Villa Hauer Cultural oferece duas programações infantis aos sábados e domingos neste mês que buscam fugir dos estereótipos ligados ao teatro para criança.

Com apresentações às 15 horas, A Maior Flor do Mundo começa prometendo muito pelo nome do autor do qual faz uma adaptação: José Saramago. Aproveitando a introdução escrita pelo português – em que ele questiona se os adultos aprendem as lições que tentam passar por meio das histórias para crianças –, a diretora Margaret Trelha começa com um prólogo de fábulas conhecidas: A Lebre e a Tartaruga, A Bela Adormecida, A Formiga e a Cigarra.

Em seguida entra um delicado relato sobre uma menina muito especial. Cheia de ternura por uma flor murcha, ela resolve buscar água montanha abaixo e regá-la. Mas, enquanto transporta um montinho do líquido, quase tudo escorre pelas mãos, restando só algumas gotas. Por isso ela resolve fazer várias viagens e acaba se cansando e dormindo ao lado da flor. Em instantes esta cresce, revigorada pela ajuda recebida, e se torna uma planta enorme capaz de proteger a garota com sua sombra.

Atuam a atriz mirim Alice Trelha, de 13 anos, e Ike Rocha, que faz o narrador. Como cenário, há três tambores em que se escondem brinquedos.

Às 17 horas, entra em cartaz A Princesa Cansada e o Animal Bocejante, que estreou durante o último Festival de Teatro. Essa é uma montagem da Cia. Carnívora, que vem propondo espetáculos com um tiquinho de morbidez. Por isso, as crianças poderão ficar com um pouco de medo no começo da peça, quando surge um monstro misterioso em meio a ruídos estranhos. Logo, porém, o animal peludo mostra as caras e interage com a plateia, fazendo amigos.

A outra personagem é uma princesa que se cansa muito fácil, precisando tirar sonecas de oito horas no mínimo. Ela também se assusta com o companheiro de floresta, mas acaba percebendo que o animal é, no fundo, um amigão. Ele descobre a paixão da garota por flores e entra escondido enquanto ela dorme, com um saco. Dentro, muitas flores para espalhar pela clareira onde os dois brincam juntos.

O texto é de Neumar Michaliszin, com direção de Ike Rocha. No elenco, Ike e Carol Scabora.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.