Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Santa Casa Curitiba
A Santa Casa de Misericórdia de Curitiba tem mais de 140 anos de história e oferece diversos tratamentos de saúde| Foto: Santa Casa
  • Por Santa Casa
  • 20/09/2021 10:07

A fim de acompanhar as mudanças e inovações na área da saúde, a Santa Casa se compromete em inovar em sua estrutura e em seus serviços. Para tanto, ao longo desses mais de 140 anos, suas conquistas a tornaram um hospital de referência no Estado do Paraná.

A Santa Casa de Curitiba teve seu início em 1866, mas só foi inaugurada em 1880, oficialmente como o primeiro hospital de Curitiba. Inicialmente com 160 leitos, hoje a Santa Casa conta com 391 leitos, 10 salas de cirurgia, 632 médicos, 2.102 colaboradores diretos, 24 especialidades médicas e uma área de 17,5 mil m², atendendo SUS e convênios particulares.

Tudo isso com modernidade e alta tecnologia!

Transformações

Em 2020, devido à pandemia da Covid-19, o mundo se viu obrigado a se adaptar ao digital. Por isso, a Santa Casa transformou seus processos com o objetivo de otimizar e agilizar o atendimento nesses tempos difíceis.

Para tanto, diversos projetos foram concluídos:

  • Substituição e atualização do data center para maior suporte dos sistemas;
  • Atualização dos computadores;
  • Aperfeiçoamento dos sistemas de segurança, prevenindo ataques, invasões e vazamento de dados;
  • Adequação à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD);
  • Definição das políticas de tecnologia da informação e segurança da informação;
  • Projeto telemedicina.

Ainda, o Pronto Atendimento e o Centro de Diagnóstico e Tratamento da Santa Casa foram reinaugurados em 9 de novembro de 2020, em uma cerimônia com figuras políticas e religiosas.

O Pronto Atendimento obteve uma cobertura na área de embarque e desembarque; reparação na rampa de acesso; implantação de boxes de atendimento rápido; salas para gesso e suturas; novos leitos e consultórios; implantação de modelo de atendimento rápido, chamado fast-track; e farmácia satélite, aprimorando a distribuição de medicamentos e o controle de estoque.

Além disso tudo, o local ganhou um novo nome, Pronto Atendimento Dra. Wanessa Portugal, em homenagem à advogada que ajudou diversos doentes e pessoas carentes ao longo de sua vida.

O Centro de Diagnóstico e Tratamento da Santa Casa também passou por mudanças: aumento da recepção; novos equipamentos de tomografia, raio-X e densitometria óssea; e investimento em tecnologias modernas, com acesso às imagens de exames em tempo real.

Fora que, nesse ano, em parceria com o Instituto Grupo Boticário e O Boticário, a instituição reformou o setor de hemodiálise do hospital, com o apoio da Belgotex do Brasil.

Leia também: Santa Casa de Curitiba está entre os 20 selecionados para participar do projeto Lean nas Emergências

A presença digital

A Santa Casa sabe que, para estar sempre à frente em qualidade e serviço, a proximidade com os pacientes é extremamente importante. Por esse motivo, sua presença nas redes é constante.

Para expandir o relacionamento com os internautas, cada unidade possui um site, a Santa Casa, a UNIICA e o HMAM. Além disso, as redes sociais da Santa Casa são os principais meios de engajamento com o público, recebendo atualizações diárias.

São anos de história e mudanças, sendo um hospital referência em Curitiba e região metropolitana. Mesmo diante de tempos difíceis, a Santa Casa se adapta e traz novas tecnologias para melhorar a saúde e o bem-estar de seus pacientes!

Siga a Santa Casa nas redes sociais: Facebook e Instagram.