• 16/06/2020 11:29
  • Atualizado em 18/06/2020 às 10:24
Legislativo

Câmara aprova congelamento de salários de vereadores pelos próximos 4 anos

  • 16/06/2020 11:29
  • Atualizado em 18/06/2020 às 10:24
  • Por Célio Yano
    Palácio Rio Branco, sede da Câmara Municipal de Curitiba
    Palácio Rio Branco, sede da Câmara Municipal de Curitiba| Foto: Divulgação/CMC

    Por unanimidade, os vereadores de Curitiba aprovaram na sessão plenária desta terça-feira (16), em primeira votação, o congelamento dos salários da própria função para a próxima legislatura, que vai de 2021 a 2024. O subsídio mensal dos parlamentares municipais permanecerá em R$ 15.594,73 e o do presidente da Casa legislativa em R$ 18.991. No momento da votação, a proposta, de iniciativa da Mesa Executiva, recebeu 33 votos favoráveis e 1 contrário, de Cristiano Santos (PV), que, mais tarde, pediu a retificação de seu posicionamento. “De forma equivocada, votei contrário. Deixo claro que meu voto é sim, pelo congelamento”, disse.

    O último aumento no salário dos parlamentares ocorreu em 2019, por meio de lei proposta pelo Executivo, que fixou um reajuste nos subsídios de agentes políticos em 2,89%. Antes disso, os vencimentos estavam congelados desde 2015, quando foi aplicado um porcentual de 6,54%, equivalente ao reajuste aos servidores da prefeitura. Por lei, o salário de vereador no Paraná pode ser fixado em, no máximo, R$ 18.991,68, o equivalente a 75% dos ganhos de um deputado estadual, hoje de R$ 25.322,25.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.