i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
violência

Centro é campeão de roubos em Curitiba. Veja bairros mais visados pelos ladrões

Roubo de celulares é um dos crimes que mais atingem moradores e frequentadores do Centro

  • PorTribuna do Paraná e Gazeta do Povo
  • 31/08/2017 11:51
PM faz ronda na Praça Santos Andrade: Centro tem mais do que o dobro de ocorrências do que a CIC, segundo bairro com mais roubos em Curitiba. | Daniel Castellano/Gazeta do Povo
PM faz ronda na Praça Santos Andrade: Centro tem mais do que o dobro de ocorrências do que a CIC, segundo bairro com mais roubos em Curitiba.| Foto: Daniel Castellano/Gazeta do Povo

A Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp) divulgou o balanço dos furtos e roubos em Curitiba nos seis primeiros meses do ano. Na maioria dos 75 bairros, houve menos registros de boletins de ocorrência. Apesar dos números, a sensação que a população tem segue sendo contrária às estatísticas - muitos dos crimes sequer são informados à polícia, pela descrença da população de que a polícia vá resolver o problema. Mesmo assim, todo crime deve ser informado à polícia, para que as autoridades de segurança pública possam não só prender criminosos, mas também fazer o seu planejamento para conter outros crimes.

O bairro de Curitiba que mais teve furtos e roubos de janeiro a junho deste ano foi o Centro, com 5.986 ocorrências, mais do que do dobro do segundo bairro mais visado, a CIC, com 2.295 ocorrências. O Centro registrou 792 furtos e 2.194 roubos no período.

Apesar da quantia, a Sesp comemora, pois houve uma redução de 4,6% nos furtos e de 15% dos roubos. Mas a sensação da população no Centro de Curitiba é de que os crimes aumentaram. Só na Praça Rui Barbosa, por exemplo, o jornal Tribuna do Parana divulgou quatro reportagens, de junho para cá, falando das bancas de jornais e algumas lojas da praça que foram arrombadas na madrugada, crimes que têm sido mais frequentes nos últimos meses.

5 razões pelas quais você deve registrar um boletim de ocorrência

Leia a matéria completa

Mas o problema não é só na Rui Barbosa. A reclamação é geral no Centro todo, não só contra comércios, mas também contra transeuntes, que perdem bolsas, carteiras e celulares em assaltos à mão armada em plena luz do dia. O comércio de celulares roubados no Centro também é grande.

Ao ponto de os lojistas do setor perceberem o aumento da venda de celulares simples, sem internet, os quais a população destina ao ladrão. Para driblar os prejuízos ocasionados em casos de furtos e roubos, os curitibanos estão adotando a estratégia de comprar celulares extras, mais baratos e simples, para entregar aos criminososo, enquanto portam os smartphones escondidos para evitar prejuízo maior. “Os clientes me contam que o celular mais novo, moderno e caro, enquanto isso, fica guardado na bolsa”, conta um vendedor de celular entrevistado pela Gazeta do Povo há dez dias.

Em qualquer local de grande movimento no Centro, aliás, como a Praça Carlos Gomes, a Rua XV de Novembro, as Praças Rui Barbosa e Tiradentes, é fácil encontrar pessoas vendendo um celular de procedência desconhecida.

Abaixo, a lista dos bairros campeões de furtos e roubos em Curitiba:

Centro - 5.986 ocorrências

CIC - 2.295 ocorrências

Sítio Cercado - 2.000 ocorrências

Boqueirão - 1.390 ocorrências

Portão -1.306 ocorrências

Água Verde - 1.299 ocorrências

Cajuru - 1.196 ocorrências

Pinheirinho - 1.132

Rebouças - 852 ocorrências

Tatuquara - 792 ocorrências

Hauer - 754 ocorrências

Uberaba - 751 ocorrências

Xaxim - 731 ocorrências

Jardim Botânico - 653 ocorrências

Novo Mundo - 652 ocorrências

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]
  • Tudo sobre:

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.