i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Crise hídrica

Chuva dos últimos dias afasta Curitiba e RMC do rodízio mais severo por 30 dias

  • PorMarcos Xavier Vicente
  • 19/11/2020 10:49
Chuva dos últimos dias afasta Curitiba e RMC do rodízio mais severo por 30 dias
| Foto: Lineu Filho / Tribuna do Paraná

Somadas, as chuvas da semana passada e dessa semana afastaram Curitiba e região metropolitana por pelo menos 30 dias de conviver com um rodízio mais severo no fornecimento de água, de 48 horas com abastecimento e 24 horas com torneiras secas. Atualmente, o rodízio é de 36 horas com água e 26 horas sem. O Paraná, em especial a capital e os municípios vizinhos, enfrenta a pior estiagem da história, o que levou o governo a estender por mais seis meses o estado de emergência hídrica.

Só a chuva entre quarta-feira (18) e esta quinta-feira (19) fez a capacidade dos quatro reservatórios que abastem a região subir em 0,5%, chegando a 29,46%, de acordo com a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar). Com isso, Curitiba e região metropolitana ganharam um alento, se distanciando da marca crítica dos 25% de capacidade dos reservatórios - se o nível cair a este índice, obrigatoriamente a Sanepar adotará o rodízio mais severo.

"Sem dúvida essa chuva é um alívio, já que semana passada, no dia 11 de novembro, batemos na marca mais crítica dos reservatórios nessa estiagem, com apenas 26,7% de capacidade", comemora o gerente de produção da Sanepar para Curitiba e região, Fábio Basso.

Basso explica que a chuva desses últimos dias foi exatamente da maneira que o sistema precisa: leve, mas contínua. "Esse tipo de chuva encharca o solo sem causar erosão, fazendo com que a água chegue aos leitos dos rios pelos lençóis freáticos", explica o gerente da Sanepar.

Apesar da previsão de que o rodízio mais severo não deve ser adotado nos próximos 30 dias, Basso faz um alerta para que a população siga poupando água. O gerente da Sanepar elogia o índice de 20% de economia alcançada em outubro, exatamente a meta que a companhia estabeleceu para que cada pessoa reduza o consumo para que o sistema não se agrave. Entretanto, apesar do alívio momentâneo com a chuva, o sistema está bem longe da normalidade.

"A normalidade seria os reservatórios com 60% de capacidade, o que vai levar tempo para alcançarmos. Por isso é fundamental continuar economizando água: nada de banhos demorados, de lavar a calçada, de lavar o carro, entre outras atividades que demandam muita água", aponta Basso.

Além da economia de 20% de água por parte da população, a Sanepar segue com ações para minimizar o efeito da estiagem, como captação de água em pedreiras, transposição de rios, entre outras. A situação nesta quinta-feira nos quatro reservatórios de Curitiba e região é a seguinte: Piraquara 1 com 27,47% da capacidade, Piraquara 2 com 44,73%, Passaúna com 36,54% e,com o pior quadro, Iraí com apenas 18,9%.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.