| Aniele Nascimento
Gazeta do Povo
| Foto: Aniele Nascimento Gazeta do Povo

Uma mulher de 63 anos morreu atropelada pela própria van na garagem de casa na madrugada desta segunda-feira (11) em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais. O acidente aconteceu no bairro Cará-Cará por volta das 0h30. Segundo o Corpo de Bombeiros, a suspeita é de que o freio de mão do veículo tenha falhado.

De acordo com o tenente Ricardo Mück, a casa da mulher ficava em um declive e o acidente aconteceu enquanto ela tentava abrir o portão. “No que ela chegou, a van disparou e bateu contra o portão, que caiu sobre ela”, explica. “Foi um caso de esmagamento. O portão caiu por cima dela e a van por cima do portão. Foi uma cena de filme de terror, infelizmente”. 

Leia mais - Imagina o prejuízo: acidente entre Jetta e Ferrari chama atenção em Curitiba

O tenente conta que a vítima era sogra de um dos bombeiros da cidade, que estava de folga e no local do acidente. Ele foi o primeiro a dar o atendimento à mulher. Equipes do Corpo de Bombeiros e do Samu foram chamadas, mas ela morreu no local. 

Veja também - Morador de rua pede dinheiro a motorista e recebe tiro no pé

Segundo Mück, por ter sido uma morte violenta, será necessária uma investigação para apurar as causas do acidente. O Instituto de Criminalística vai analisar a van e descobrir se realmente houve falha mecânica no freio de mão. “A principal suspeita é que o freio falhou, porque deu tempo de ela descer do carro e ir até o portão. Mas será preciso esperar a análise para ter certeza”.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]