Viatura da Guarda Municipal de Campo Largo
Guarda Municipal de Campo Largo mantém homem sob escolta em hospital| Foto: Brunno Zotto/ Prefeitura Campo Largo/ Divulgação

Uma mulher de 37 anos foi socorrida com queimaduras graves provocadas por seu companheiro durante uma suposta discussão na tarde deste domingo (11) em Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba. O homem, que foi preso, jogou álcool e depois ateou fogo no corpo da vítima. Ela teve 45% do corpo queimado.

NOTÍCIAS SOBRE CURITIBA: faça parte do nosso novo canal para receber mais matérias

No boletim de ocorrência sobre o caso consta que a briga teria começado na casa do casal. Testemunhas disseram à polícia que viram o momento em que o homem jogou álcool no corpo da companheira. A vítima foi socorrida em um hospital do município e só depois, por causa da gravidade dos ferimentos, ela foi encaminhada ao Hospital Evangélico Mackenzie, em Curitiba, que é referência no atendimento a queimados.

Ainda em Campo Largo, a Guarda Municipal chegou a ser acionada por uma das enfermeiras que fez o atendimento inicial. No hospital, os agentes foram informados de que o criminoso estaria na região do hospital e, por isso, não demorou para que ele fosse preso.

O homem foi encontrado com os braços queimados - parte do álcool atirado contra a mulher atingiu os membros - e foi levado também para o Hospital Evangélico Mackenzie. Ele segue sob escolta da Guarda Municipal de Campo Largo e tão logo receba alta será detido em flagrante.

O hospital não divulgou o estado de saúde da vítima.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]