O presidente boliviano, Evo Morales, disse na sexta-feira que seguirá com os planos de nacionalizar o setor de mineração da Bolívia após decisão, no ano passado, de assumir o controle sobre indústrias de petróleo e gás do país.

Morales, falando a jornalistas em uma reunião de presidentes do Mercosul, no Rio de Janeiro, disse que seu governo está estudando com cuidado detalhes do plano. Ele informou que não será uma nacionalização de todo o setor de mineração.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]