i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
mercado internacional

Bolsa Ásia: maioria dos índices sobe por caça a barganhas

Em Tóquio, o índice Nikkei subiu 0,49 por cento, saindo da mínima em três semanas atingida na segunda-feira

  • PorReuters
  • 20/12/2011 06:14

A maioria das bolsas de valores asiáticas fechou em alta nesta terça-feira, mas a confiança do mercado permaneceu frágil por temores de que os esforços para conter a crise de dívida da zona do euro estejam falhando e de que regras mais duras para fortalecer o capital dos bancos possam reduzir seus lucros.

O humor nos mercados da Ásia já era avesso a riscos após a morte do líder norte-coreano Kim Jong-il, que gerou receios de instabilidade na região e desencadeou a venda de ativos de maior risco na segunda-feira, com os investidores transferindo dinheiro para a segurança do dólar.

Profissionais do mercado disseram que os volumes baixos de negócios antes das festas de fim de ano podem exacerbar as oscilações de preços, mas que é improvável uma outra perda forte até que haja outro catalisador, como rebaixamentos de ratings soberanos na zona do euro.

O índice MSCI das ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 0,24 por cento às 7h32, após declínio de 2,9 por cento no dia anterior. O índice de Seul foi destaque, encerrando em alta de 0,91 por cento, após tombo de 5 por cento por causa da notícia da morte de Kim.

Em Tóquio, o índice Nikkei subiu 0,49 por cento, saindo da mínima em três semanas atingida na segunda-feira.

"Não é nada mais que recompras em um mercado vendido, dadas as poucas notícias positivas para recuperar a confiança", disse Makoto Noji, estrategista sêniro da SMBC Nikko Securities.

Por outro lado, as vendas induzidas pelos problemas de dívida da Europa baratearam algumas ações asiáticas, como as dos bancos chineses, enquanto sinais de uma melhora na economia dos Estados Unidos levaram alguns gestores de capital dos EUA a aumentarem a posse de ações.

O mercado teve variação positiva de 0,06 por cento em Hong Kong. A bolsa de Taiwan ganhou 0,44 por cento, enquanto o índice referencial de Xangai recuou 0,10 por cento. Cingapura retrocedeu 0,14 por cento e Sydney fechou com desvalorização de 0,18 por cento.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.