Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O principal índice das ações brasileiras ficou praticamente estável nesta segunda-feira, consolidando as perdas da semana passada quando caiu aos menores níveis em mais de cinco meses.

O Ibovespa teve alta de 0,14 por cento, a 65.362 pontos. O volume foi de 5,5 bilhões de reais.

Na sexta-feira, o índice havia caído 2,2 por cento, ao menor nível desde 31 de agosto.

O mercado brasileiro tem mostrado fraqueza há semanas, com queda acumulada de mais de 8 por cento do Ibovespa desde a metade de janeiro. De acordo com analistas, tem havido uma migração de investidores para bolsas nas principais economias.

Nesta segunda-feira, por exemplo, o índice Standard & Poor's 500, de Nova York, atingiu o maior nível desde junho de 2008 e exibia perto do fechamento uma alta mais intensa que a do Ibovespa.

O movimento é explicado pelos sinais de fortalecimento da economia dos Estados Unidos e da Europa, que têm diminuído a desvantagem recente para países emergentes como China e Brasil. Além disso, em relação ao mercado local, os investidores têm mostrado preocupação com as medidas que o governo deve tomar para controlar a alta dos preços e a queda do dólar.

"(A alta no início do pregão) foi só uma correção, mas nada de grande reversão de tendência. O problema de fluxo continua", disse Luiz Roberto Monteiro, assessor de investimentos da corretora Souza Barros.

Os dados mais recentes da bolsa mostram a saída líquida de 417 milhões de reais nos três primeiros dias do mês. Ofertas de ações como de Autometal e Sonae Sierra também tiveram demanda menor do que o inicialmente esperado.

As duas ações com mais liquidez na Bovespa, Vale PN e Petrobras PN, fecharam em queda. O papel da mineradora recuou 0,14 por cento, a 50,32 reais, e o da petrolífera caiu 1,45 por cento, a 27,22 reais, após abertura positiva.

Uma das ações que mais recuou foi da BM&FBovespa, em queda de 2,4 por cento, a 11,00 reais. De acordo com operadores, o papel tem sofrido com a possibilidade de que a bolsa ganhe concorrentes no Brasil. Uma das candidatas a rivalizar com a BM&FBovespa, a Cetip, teve alta de 8,86 por cento, a 23,95 reais

No lado positivo, Embraer teve alta de 5,25 por cento, a 14,24 reais. Empresas de varejo se recuperaram após fortes perdas, como Lojas Renner, com valorização de 4,2 por cento, a 49,30 reais.

Fora do índice, a Autometal estreou com queda de 5,36 por cento, a 13,25 reais.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]