i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Telefonia

Brasil ocupa 5ª posição mundial em linhas telefônicas

Em telefonia fixa, o Brasil, que encerrou 2008 com 41,1 milhões de linhas, ocupa o 6º lugar mundial. Em celular, com 150,6 milhões de linhas, fica em 5º no ranking global

  • PorAgência Estado
  • 23/11/2009 09:58
 | Antonio Costa/Gazeta do Povo
| Foto: Antonio Costa/Gazeta do Povo

O Brasil possui um total de 191,8 milhões de linhas telefônicas, entre fixas e móveis, o que coloca o País no topo do ranking de telefonia da América Latina, em segundo lugar nas Américas e em quinta posição mundial, conforme um levantamento da consultoria de tecnologia Everis, com dados de 49 países referentes a 2008. Em telefonia fixa, o Brasil, que encerrou 2008 com 41,1 milhões de linhas, ocupa o 6º lugar mundial. Em celular, com 150,6 milhões de linhas, fica em 5º no ranking global.

O país com maior quantidade total de linhas telefônicas é a China, com 999,6 milhões. Em seguida vêm os Estados Unidos, com 421,8 milhões de linhas; a Índia está em terceiro, com 384,8 milhões; e a Rússia em quarto, com 232,1 milhões. Na ponta oposta do ranking, entre as últimas posições estão Paraguai, com 6,2 milhões de telefones em uso; Bolívia, com 5,5 milhões; e Uruguai, com 4,5 milhões de linhas telefônicas

No final de 2008, o mundo contava com 3,212 bilhões de linhas telefônicas móveis, um aumento de 18,5% ante 2007, tendo a China novamente à frente, com 634 milhões de celulares. Em quantidade de linhas fixas, a China também lidera com 365,6 milhões, o que equivale a uma em cada três linhas fixas do mundo

Dos países pesquisados, seis em cada dez apresentam uma diferença de preço entre as telefonias móveis e fixas superior a 25%. O Brasil gira em torno dessa faixa. Equador é o de maior disparidade, sendo o preço da telefonia móvel 700% maior que o da fixa; seguido por Venezuela, onde a linha móvel é 253% mais cara; e Argentina, com 160%. Já em outros países da América Latina, as linhas móveis chegam a ser mais baratas que as fixas, como no caso da Bolívia, onde os preços são 74% menores na telefonia móvel; Chile e Peru com 50%; México com 33% e Paraguai tendo em 21% os preços mais atrativos para as linhas celulares.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.