• 03/09/2019 16:12
Comércio

Black Friday deve ter menos promoções, aponta pesquisa

  • 03/09/2019 16:12
    • Estadão Conteúdo
    Black Friday
    | Foto: Freepik

    A dois meses da Black Friday, principal data do varejo para as vendas de eletroeletrônicos no Brasil, uma pesquisa divulgada nesta terça-feira, 3, aponta para uma edição "morna" de vendas na edição deste ano. A projeção da consultoria GFK estima que, em 2019, o faturamento da Black Friday deve crescer 4%, alcançando no máximo R$ 13,5 bilhões, na comparação com 2018, quando o período de compra registrou crescimento de 9%.

    O levantamento leva em consideração apenas as vendas de produtos elétricos e eletrônicos, como linha branca (geladeira, fogão, máquinas de lavar), linha marrom (liquidificadores, forno de micro-ondas), smartphones e produtos de informática.

    Em volume, pelo segundo ano consecutivo, a pesquisa não contempla crescimento em volume de vendas. Após retração de 4% em número de produtos comercializados no ano passado, segundo dados da própria GFK, a expectativa é de mais um ano de queda similar ou crescimento zero para a próxima edição.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

      Fim dos comentários.