i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
mercado

Confiança do varejista se mantém estável em fevereiro

  • PorAgência Estado
  • 05/03/2012 07:54

A confiança do empresário varejista ficou estável no mês de fevereiro, indica a Confederação Nacional do Comércio (CNC). O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec), divulgado hoje pela instituição, manteve no mês passado o patamar de 127,6 pontos registrado em janeiro, quando o índice havia caído 2,3% na comparação com dezembro de 2011.

Para a equipe de análise econômica da CNC, o resultado continua sinalizando expectativas favoráveis do setor em relação à economia e o crescimento das vendas em 2012. O índice permaneceu estável devido a uma queda de 3,3% no subíndice que mede a avaliação dos varejistas em relação às condições atuais do ambiente de negócios, o que contrabalançou a alta de 3,3% nas expectativas.

"O resultado mostra que o crescimento do volume de vendas no varejo deverá ser menor no primeiro semestre do que na segunda metade do ano", avaliou Bruno Fernandes, economista da CNC, em nota divulgada pela instituição.

A pesquisa mostrou que a queda de 3,3% na componente chamada de Índice de Condições Atuais do Empresário do Comércio (ICAEC) foi influenciada pela piora na percepção dos comerciantes sobre as condições atuais da economia (-4,9%), do setor varejista (-4,2%) e de sua própria empresa (-1,1%).

A expectativa de contratação de funcionários subiu 2%, confirmando a tendência de alta prevista pela CNC para a segunda metade do ano. O índice de investimento dos empresários do comércio em 110,5 pontos indica que há disposição para a expansão de lojas.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.