Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A redução na taxa de desemprego na passagem de outubro para novembro foi causada pela migração de indivíduos para a inatividade e não pela geração de postos de trabalho, apontou o IBGE. O índice retornou ao patamar de 4,6%, o menor desde o início da série histórica, em 2002. "O que a gente vê aqui é a redução da desocupação em função do aumento da inatividade. Então não houve aumento do número de postos de trabalho", ressaltou Cimar Azeredo, gerente da coordenação de Trabalho e Rendimento do IBGE.

148 mil indivíduos deixaram a População Economicamente Ativa, em novembro, segundo o IBGE. O aumento foi de 0,8% sobre outubro. O instituto diz que parte dos inativos pode já ter assegurado uma ocupação para dezembro e por isso deixou de procurar emprego.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]