Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A economia da Venezuela, que encolheu por cinco trimestres consecutivos até o segundo trimestre deste ano, está seguindo em direção à recuperação e certamente crescerá em 2011, afirmou o ministro de Finanças do país, Jorge Giordani. "Não tenho dúvidas. Estou totalmente convencido" que a economia da Venezuela vai crescer no ano que vem, disse Giordani durante uma entrevista à rádio União.

Analistas afirmam que a economia venezuelana, que encolheu 3,3% no ano passado, provavelmente vai sofrer uma contração de 1% a 2% em 2010 em razão do declínio na produção de petróleo e dos cortes de água e eletricidade no início deste ano, que forçaram muitas empresas a reduzir a produção em 20%.

A queda nas importações provocada por restrições ao acesso a moedas estrangeiras também deve pesar sobre uma eventual recuperação, assim como a falta de investimentos externos.

A economia da Venezuela encolheu 5,8% no quarto trimestre de 2009 e 5,2% no primeiro trimestre deste ano. No segundo trimestre, o ritmo de contração diminuiu para 1,9%. Com base nesses números, Giordani afirmou que "a tendência mudou e esperamos que ela continue no terceiro e no quarto trimestres".

Os dados sobre o Produto Interno Bruto do país no terceiro trimestre devem ser divulgados no início de novembro.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]