i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
China

Maior companhia elétrica do mundo planeja investir US$ 10 bilhões no Brasil

A State Grid tem a intenção de disputar as concessões das hidrelétricas de São Manoel e Itaocara

  • PorEFE
  • 26/10/2013 10:54

A terceira maior companhia da China e maior elétrica do mundo, a State Grid, planeja investir US$ 10 bilhões no Brasil até 2015, segundo informaram neste sábado os meios de comunicação locais.

Em entrevista a "Broadcast", o serviço em tempo real da Agência Estado, o presidente da empresa chinesa no Brasil, Cai Hongxian, afirmou que é uma "meta agressiva" e lembrou que a companhia leva em conta "o retorno do investimento nos projetos".

No país desde 2010, a companhia tem a intenção de disputar as concessões das hidrelétricas de São Manoel e Itaocara, assim como entrar no leilão de transmissão da usina hidrelétrica de Belo Monte, que está sendo construída no Pará, de acordo com a imprensa local.

"Projetos como esse nos fazem estar aqui", disse em referência à Belo Monte, que será a terceira maior hidrelétrica do mundo, inundará 506 quilômetros quadrados da floresta e obrigará o deslocamento de entre 16 e 25 mil pessoas.

A State Grid Corporation da China (SGCC) comprou em 2010, por US$ 989 milhões, sete empresas brasileiras de transmissão elétrica, controladas por um consórcio das espanholas Cobra, Elecnor e Isolux.

A State Grid responde por 88% da transmissão elétrica na China. EFE

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.