183635

Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Economia
  3. Netflix anuncia aumento de preços no Brasil; estratégia é apoiada por Wall Street

streaming

Netflix anuncia aumento de preços no Brasil; estratégia é apoiada por Wall Street

É o primeiro aumento de preços da plataforma no país desde 2017

  • Infomoney
 | Divulgação
Divulgação
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

A Netflix anunciou nesta quinta-feira (14) que vai subir os preços das mensalidades no Brasil para os três planos disponíveis. Os aumentos variam entre 10,05% e 21,10%.

“Mudamos nossos preços de tempos em tempos para continuar investindo no melhor do entretenimento, além de melhorar a experiência da Netflix para nossos membros no Brasil”, diz a empresa em nota. 

ServiçosValor hojeNovo valorReajuste
Tela única e sem HDR$ 19,90R$ 21,9010,05%
Duas telas simultâneas e conteúdo HDR$ 27,90R$ 32,9017,92%
Quatro telas simultâneas e Ultra HDR$ 37,90R$ 45,9021,10%

Esse é o primeiro aumento de preços da Netflix no Brasil desde 2017, quando a empresa mudou os preços dos planos Padrão e Premium, mas manteve os custos do plano básico.

+LEIA TAMBÉM: Como a Netflix pode ficar para trás em um mercado que ela mesma inventou

Nos Estados Unidos, os preços já tinham sido elevados em janeiro entre 13% e 18%. Por lá, o plano mais barato custa atualmente US$ 12,99 por mês, ante US$ 10,99.

Além disso, a assessoria informou que os preços vão subir também no México. No restante dos países da América Latina onde a empresa opera não haverá alteração de preços porque o reajuste foi feito também em janeiro pelo fato dos valores serem cobrados em dólares nestas regiões.

empresa fechou o ano passado com 139 milhões de assinantes no mundo, dos quais 29 milhões foram conquistados em 2018. Muitos analistas de Wall Street aprovam esse movimento dos preços porque isso aumentaria a receita da Netflix sem causar uma desaceleração nas adições de assinantes, que continua em bom ritmo apesar da ascensão de concorrentes, como o Prime, da Amazon, e mesmo da expectativa em torno de novos concorrentes, como o serviço da Apple, que pode ser lançado num evento da marca no próximo dia 24. 

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O jornalismo da Gazeta depende do seu apoio.    

Por apenas R$ 0,99 no 1º mês você tem
  • Acesso ilimitado
  • Notificações das principais notícias
  • Newsletter com os fatos e análises
  • O melhor time de colunistas do Brasil
  • Vídeos, infográficos e podcasts.
Já é assinante? Clique aqui.
>