Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE

aviação

GOL encomenda 120 aeronaves Boeing 737 MAX para renovação da frota

Primeira aeronave Boeing 737 MAX é esperada para ser entregue à companhia aérea em julho de 2018

  • Da Redação
GOL encomendou 120 aeronaves Boeing 737 MAX | Eric Greer/Boeing/Divulgação
GOL encomendou 120 aeronaves Boeing 737 MAX Eric Greer/Boeing/Divulgação
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

A GOL encomendou 120 aeronaves Boeing 737 MAX para renovação da sua frota até 2028. O primeiro avião é esperado para ser entregue à companhia aérea em julho de 2018 e as demais unidades deverão ser entregues ao longo dos próximos dez anos. As informações foram divulgadas pela companhia em seu balanço financeiro e em conferência com investidores.

Embraer vai vender aviões para Nigéria usar no combate ao grupo radical Boko Haram

Atualmente, a GOL tem uma frota total de 120 aeronaves Boeing 737-NG. Do total, 116 aviões estão em operação pela companhia e as quatro aeronaves restantes foram subarrendadas para outra empresa de aviação. A frota da GOL possui idade média de 8,8 anos.

Para manter essa média baixa, a companhia informou que encomendou 120 aeronaves Boeing 737 MAX, com previsão de entrega de todos os aviações até 2028, começando por julho de 2018. Com isso, a GOL renovaria toda a sua frota nos próximos dez anos.

Veja imagens do Boeing 737 MAX

O Boeing 737 MAX é uma aeronave que se destaca por sua eficiência. Ela foi desenvolvida pela Boeing ao longo desta década e as primeiras unidades começaram a ser entregues aos clientes neste ano.

Ela é destinada a companhia aéreas e, segundo a Boeing, garante grande economia de combustível. Quando comparado a uma frota de 100 das aeronaves mais econômicas do mercado, o modelo tem capacidade de economizar mais de 250 milhões de libras de combustível por ano. O custo por assento chega a ser 8% mais baixo que os seus concorrentes. 

Em relação ao Boeing 737-NG, usado atualmente pela GOL, outra vantagem do modelo 737 MAX é o seu alcance. O modelo mais recente tem capacidade para voar mais de 3.500 milhas náuticas (mn), equivalente a 6.510 quilômetros. Isso representa um aumento de 405-580 mn, algo entre 750 e 1.075 quilômetros em relação ao seu antecessor, o 737-NG.

Veja imagens do Boeing 737 MAX:

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/08/09/Economia/Imagens/Cortadas/gallery-full-15_20170809185926-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/08/09/Economia/Imagens/Cortadas/gallery-interior-full-2-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg
Eric Greer

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2017/08/09/Economia/Imagens/Cortadas/gallery-interior-full-1-ID000002-1200x800@GP-Web.jpg
Eric Greer

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE