i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Expansão

Starbucks vende operação brasileira para acelerar crescimento; região Sul está nos planos

Por valor não divulgado, empresa de investimento SouthRock adquire a operação brasileira da Starbucks e planeja expandi-la para além de São Paulo e Rio de Janeiro

  • PorDa redação
  • 13/03/2018 10:22
Interior de uma loja da Starbucks. | Magnus D/Flickr
Interior de uma loja da Starbucks.| Foto: Magnus D/Flickr

A rede de cafeterias norte-americana Starbucks fechou um acordo para vender a sua operação brasileira à empresa de investimentos SouthRock. Com isso, a SouthRock passa a ter o direito exclusivo de operar e desenvolver as lojas da Starbucks no Brasil. As informações são do Valor Econômico.

A operação brasileira era a única da América Latina que não envolvia parceiros licenciados. Desde 2010, quando a Starbucks comprou a fatia de investidores locais da joint venture criada para a chegada da marca ao país, em 2006, todo o gerenciamento das lojas era feito pela própria empresa.

Agora, isso muda. A operação brasileira, que conta com 113 lojas em 17 cidades dos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, será vendida à South Rock. O valor do negócio não foi divulgado, mas fontes disseram ao Valor que ele deve girar entre US$ 80 milhões e US$ 100 milhões.

Segundo Kenneth Pope, fundador da SouthRock, o objetivo da operação é acelerar o crescimento da Starbucks no país, “inclusive indo para regiões até o momento não exploradas”. Essas regiões incluem o Sul do Brasil e Brasília. Inicialmente, porém, o foco deverá ser o fortalecimento em São Paulo e no Rio.

A SouthRock foi fundada por Pope em 2015 para desenvolver negócios nas áreas de alimentos e bebidas. A venda da Starbucks para a SouthRock alinha a operação brasileira à dos outros países latino americanas, onde o modelo de licenciamento é usado. Das 28 mil unidades da Starbucks em funcionamento no mundo, 13 mil são licenciadas.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.