Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE

Supermercados

Walmart negocia venda de parte das operações no Brasil

O Walmart está negociando a venda de parte de seus negócios no Brasil para fundos de investimento

  • Infomoney
 | Aniele Nascimento/Gazeta do Povo
Aniele Nascimento/Gazeta do Povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

O Walmart está em negociações para vender parte de suas operações no Brasil para um fundo de investimentos. Vários interessados vêm conversando com a empresa, entre eles o fundo de private equity norte-americano Advent International, que já investiu em 25 companhias no país e recentemente vendeu sua participação no Terminal de Contêineres de Paranaguá (TCP).

De acordo com a agência de notícias Reuters, que cita duas fontes próximas ao assunto, os fundos GP Investments e Acon Investments também têm interesse em investir na unidade brasileira do Walmart. Outros três fundos teriam conversado com a rede de supermercados, de acordo com o Valor: Catterton, Carlyle e General Atlantic. Ainda segundo as fontes, o Goldman Sachs é quem está assessorando a venda das operações.

Procurados, o Walmart e o Advent não responderam às solicitações de comentário imediatamente. De acordo com informações de mercado, o modelo de venda não está definido. Pode ir de uma parcela minoritária ao controle das operações no país, envolvendo até metade da unidade brasileira.

A possível venda das operações vem depois de uma reestruturação do Walmart no Brasil. Desde 2015, as lojas com resultados deficitários estão sendo fechadas e as lojas que continuaram abertas sofreram mudanças de layout e as operações de varejo físico e digital foram integradas.

No segundo semestre do ano passado, a rede anunciou o fim de marcas regionais, como Mercadorama, Nacional e Bompreço. As lojas estão passando por reformas para estampar a marca Walmart e ganhando um novo layout.

Na época em que as mudanças foram anunciadas, a empresa justificou: “Em mais uma importante etapa do processo de simplificação do negócio e inovação para seus clientes no Brasil, o Walmart decidiu integrar suas operações de varejo físico e comércio eletrônico, que irá concentrar sua atuação online no marketplace e futuras oportunidades no digital.” Segundo a empresa, o projeto receberia R$ 1,5 bilhão em investimentos ao longo de quatro anos.

O investimento foi uma tentativa da rede para melhorar o lucro no país, após vários anos de resultados instáveis e rumores de que o Walmart poderia até deixar o Brasil. Atualmente, a empresa é a terceira maior do setor de supermercados no país, com 471 lojas.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE