i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Aftosa

Europa mantém embargo apenas à carne do PR, MS e SP

  • PorGlobo Online
  • 21/12/2005 09:05

A União Européia (UE) decidiu manter as restrições à importação de carnes brasileiras apenas para os estados do Mato Grosso do Sul, Paraná e São Paulo. A informação foi divulgada nesta quarta-feira pelo ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Rodrigues, de acordo com informações publicadas na página do Ministério na internet. O ministro informou ter recebido a notícia da embaixada brasileira em Bruxelas, por telefone.

- É uma vitória fantástica da nossa área técnica e agora vamos começar a trabalhar para recuperar outros mercados - comemorou o ministro.

Desde outubro, quando o Departamento de Saúde Animal do Ministério da Agricultura confirmou a ocorrência de focos de febre aftosa no Mato Grosso do Sul, a UE, que abrange 25 países, embargou a compra de carne bovina dos três estados. Após a confirmação do foco de febre aftosa no Paraná, um dos países do bloco solicitou o embargo das compras de carne de todos o País.

Rodrigues informou que uma missão técnica do Ministério da Agricultura esteve em Bruxelas para prestar esclarecimentos à comunidade européia sobre a defesa sanitária do País, especialmente quanto ao controle dos focos de febre aftosa. Na semana passada, técnicos do ministério estiveram em Paris também para apresentar à Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) as ações de controle e erradicação dos focos.

Ainda segundo o ministro, a reunião dos técnicos do ministério com representantes da comunidade européia, prevista para terminar em duas horas, durou cerca de sete horas.

- Fizemos um jogo transparente, cristalino e a decisão da União Européia abre uma enorme perspectiva para que outros países sigam o exemplo - comentou.

Após a confirmação de focos de febre aftosa no Mato Grosso do Sul, no início de outubro, 52 países anunciaram embargos às carnes brasileiras, dos quais oito suspenderam as importações de todo o País, entre os quais, África do Sul, Chile, Colômbia e Ucrânia. As restrições vão desde animais susceptíveis, carnes bovina e suína e de aves a equipamentos para manutenção, abate e processamento de animais.

As exportações de carnes bovinas em 2005, lembrou Rodrigues, superaram a marca dos US$ 3 bilhões, com vendas para 172 países.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.