A presidente Dilma Roussef sancionou a Lei n.º 12.463, que cria 210 cargos no Conselho Nacional de Justiça (CNJ). As oportunidades estão divididas em 100 chances para analista judiciário e 110 para técnico judiciário.

Segundo a nota no site do conselho, as vagas serão ocupadas, gradativamente, entre 2011 e 2013, de acordo com o cronograma publicado no anexo da lei e com o orçamento anual.

O CNJ tem sede em Brasília e atua em todo o país. Para participar do processo seletivo para técnico, os candidatos devem ter o ensino médio completo. Já os profissionais interessados nos postos de analista, precisam ter concluído o nível superior.

A lei sancionada na última se­­mana também cria 27 cargos em comissão e 76 funções comissionadas.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]