Cem finalistas vão participar de um fim de semana de imersão em Stanford, em janeiro de 2018, e então os 50 selecionados serão anunciados. | Linda A. Cicero / Stanford News Service/Linda A. Cicero / Stanford News Service
Cem finalistas vão participar de um fim de semana de imersão em Stanford, em janeiro de 2018, e então os 50 selecionados serão anunciados.| Foto: Linda A. Cicero / Stanford News Service/Linda A. Cicero / Stanford News Service

Estão abertas as inscrições para o programa de bolsas Knight-Hennessy Scholars, que vai direcionar US$ 750 milhões para a formação de líderes na Universidade de Stanford. Anunciado no ano passado, esse é o primeiro processo seletivo do Knight-Hennessy e selecionará 50 estudantes que começarão os estudos em 2018 – nas próximas edições serão escolhidos 100 ganhadores. As inscrições se encerram em 27 de setembro.

LEIA MAIS sobre Pós e Carreira

O fundo é destinado a alunos das turmas de mestrado e doutorado das escolas de negócios; ciências da terra, do meio ambiente e energia; educação; engenharia; humanidades; direito e medicina. As faculdades estão entre as melhores do mundo e a Universidade de Stanford, em si, ficou em segundo lugar da edição de 2017 do ranking QS World University, atrás apenas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT).

Com o objetivo de “preparar uma nova geração de líderes globais com as habilidades [necessárias] para abordar os desafios cada vez mais complexos que o mundo enfrenta”, o fundo cobrirá todas as despesas dos selecionados durante seus estudos: anuidade, alojamento e alimentação dentro do campus, livros e equipamentos de estudo, seguro saúde, viagem, transporte local e um valor para despesas pessoais.

LEIA TAMBÉM: Como disputar um dos 15 mil vistos extras de trabalho temporário dos EUA

O processo seletivo

As inscrições do Knight-Hennessy Scholars vão até 27 de setembro, mas nada de deixar para última hora. Além do cadastro no site do programa – que exige documentos como histórico acadêmico, teste de proficiência em inglês e cartas de recomendação, os interessados precisam se inscrever no curso desejado, que pode exigir documentos ou testes de aptidão diferentes.

O comitê de admissão vai escolher ganhadores de todo o mundo. Cem finalistas vão participar de um fim de semana de imersão em Stanford em janeiro de 2018 e, então, os 50 selecionados serão anunciados.

LEIA TAMBÉM: Empresa dos EUA fará competição para contratar engenheiros brasileiros; salário é de R$ 26 mil

Stanford e a bolsa

A verba para o Knight-Hennessy Scholars vem de doações, sendo que US$ 400 milhões – a maior doação já recebida de um só indivíduo pela instituição – vieram do ex-aluno Philip H. Knight, co-fundador da Nike. Localizada na Califórnia, Stanford também é a alma mater de fundadores de gigantes como HP, Google e Yahoo. Atualmente, a comunidade acadêmica da instituição conta com 19 laureados do prêmio Nobel.

Detalhes sobre o programa Knight-Hennessy Scholars podem ser encontradas neste endereço. Informações sobre os cursos e a vida acadêmica em Stanford estão disponíveis no site da universidade.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]