i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Privatização

Se plano der certo, Bolsonaro venderá 11 estatais e fechará duas até 2022. Restarão 33

  • Brasília
  • 03/12/2020 19:52
O presidente Jair Bolsonaro e ministro da Economia, Paulo Guedes, em reunião na quarta-feira (2/12) que definiu calendário de privatizações e concessões.
O presidente Jair Bolsonaro e ministro da Economia, Paulo Guedes, em reunião na quarta-feira (2/12) que definiu calendário de privatizações e concessões.| Foto: Marcos Correa/PR

Apesar de não ter vendido nenhuma estatal de controle direto da União em dois anos de mandato, o governo Jair Bolsonaro pretende acelerar as privatizações até 2022. A meta é vender 11 empresas federais, incluindo os Correios e a Eletrobras, e fechar duas até o último ano do mandato do presidente. Se os planos derem certo, terá conseguido reduzir em 28% o número de estatais federais, passando de 46 para 33 companhias.

As informações foram divulgadas na quarta-feira (2) pelo Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), secretaria especial do Ministério da Economia responsável por coordenar as privatizações, concessões e parcerias público-privadas. O calendário foi desenhado junto com o BNDES, que auxilia no processo. É o primeiro calendário pós-pandemia divulgado oficialmente. Ele pode sofrer alterações ao longo do tempo.

Ainda assim, a meta está distante da sonhada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, e pelo ex-secretário de Desestatizações, Salim Mattar, que chegaram ao governo em 2019 prometendo uma lista extensa de privatizações. Guedes reconheceu recentemente que está “frustrado” com o andamento dessa agenda, mas jogou grande parte da culpa no Congresso, onde acredita haver “acordos políticos de centro-esquerda” que impedem a redução do Estado.

O ministro segue sonhando em fazer quatro grandes privatizações até o fim do governo: Correios, Eletrobras, Porto de Santos e PPSA (estatal do pré-sal), empresas consideradas “joias da coroa” pelo alto interesse público e valores envolvidos. Porém, segundo o calendário divulgado pelo PPI e aprovado pelo próprio Guedes, entre outros integrantes do governo, somente a privatização dos Correios e da Eletrobras estão previstas para este mandato.

Conforme mostrou a Gazeta do Povo, a venda da PPSA é uma ideia do Ministério da Economia, mas a pasta de Minas e Energia é contra. O processo do Porto de Santos, administrado pela estatal Codesp, está andamento, mas em fase inicial de estudos. Por isso, deve ficar para depois de 2022. O governo até tentou acelerar, mas, por se tratar do maior porto do país, terá de fazer com mais calma a desestatização.

Com isso, as únicas “joias da coroa” com privatizações realmente previstassão os Correios e a Eletrobras, ambas no quarto trimestre de 2021. Ainda assim, o governo depende do aval do Congresso, o que ainda não aconteceu.

O projeto da estatal de energia elétrica foi enviado pelo governo à Câmara dos Deputados em novembro de 2019, mas nunca tramitou. O texto dos Correios espera a assinatura do presidente Jair Bolsonaro para ser encaminhado à Casa.

O Planalto e a Economia acreditam que a privatização dos Correios será mais fácil que a da Eletrobras. Eles dizem contar com o apoio do Centrão, um dos principais grupos políticos do Congresso.

No caso da Eletrobras, a resistência vem das bancadas do Norte e Nordeste. Porém, segundo informou a secretária especial do PPI, Martha Seillier, o governo não vai desistir de privatizar a empresa, no modelo conhecido por capitalização.

Os planos para as privatizações da Eletrobras e dos Correios

A privatização da Eletrobras será feita por meio da emissão de novas ações ordinárias (com direito a voto na assembleia geral) para aumento de capital. A União não poderá comprar nenhuma nova ação. Com a emissão desses novos papéis, a posição dos atuais acionistas da Eletrobras será alterada. A União, que hoje tem cerca de 60% das ações, vai reduzir sua participação para menos de 50%, deixando de ser a acionista controladora.

Caso a primeira emissão de ações não atraia interessados o suficiente para diluir as ações da União a ponto de o governo deixar de ser acionista majoritário, poderá ser feita uma oferta pública secundária, com venda de ações que hoje são de propriedade da União, para atingir o objetivo da privatização.

A quantidade de ações que deverá ser emitida para diluir o capital dos atuais acionistas e, assim, tirar das mãos do governo o controle da Eletrobras não consta do projeto. Isso será definido posteriormente, no edital de emissão das ações, após a aprovação do projeto pelo Congresso.

Mas, apesar de dever ficar com um percentual ainda relevante, tanto a União quanto qualquer acionista (os atuais e os novos) terão o poder de voto limitado a, no máximo, 10% das ações. Os acionistas também não poderão votar em bloco, salvo os minoritários, desde que unidos não ultrapassem o máximo de 10%.

Com isso, a Eletrobras deixará se ser uma estatal federal e vai se transformar numa empresa privada de capital aberto pulverizado – uma "corporation", no termo em inglês. Ou seja, ela não terá um único “dono” ou acionista controlador.

Para os Correios, o governo vai enviar um projeto de lei que acaba com o monopólio da União no setor postal. O texto vai permitir que agentes privados possam atuar na área, desde que mantida a universalização do serviço. Esse mesmo texto também vai trazer os princípios gerais do setor e determinar que a Anatel faça a fiscalização.

Com isso, o governo estará autorizado a privatizar os Correios. São três modelos em estudo. O primeiro é o em blocos, conhecido popularmente como “filé com osso”, conforme adiantou a Gazeta do Povo. Ele já é adotado nas concessões de aeroportos e de saneamento. Nesse modelo, o país seria dividido em blocos. Esses blocos seriam formados por municípios potencialmente lucrativos e por municípios provavelmente deficitários. Os interessados em prestar os serviços dos Correios em cada uma das regiões participariam do leilão.

O objetivo é manter a universalidade do serviço mesmo após a privatização e não deixar desassistidos municípios que seriam pouco atraentes à iniciativa privada caso fossem concedidos sozinhos. Por isso, cada bloco ou região possui municípios rentáveis, chamados puxadores-de-bloco (o "filé"), e os não rentáveis, (o "osso").

A segunda alternativa é abrir o capital dos Correios e fazer uma primeira oferta pública de ações (IPO, na sigla em inglês) na Bolsa de Valores. O IPO foi o modelo utilizado na privatização do setor postal alemão. Como os estudos estão em andamento, ainda não se sabe se, em caso de opção por IPO, o governo optaria pela posição de acionista majoritário, minoritário ou se transformaria a estatal em uma corporation, com capital pulverizado.

A terceira opção na mesa para os Correios é a "desverticalização" dos serviços prestados pela empresa e a concessão de cada um deles à iniciativa privada.

As estatais que o governo quer fechar até 2022

Além de planejar 11 privatizações de estatais até 2022, o governo espera liquidar (fechar) duas empresas federais. A primeira é a Ceitec, estatal produtora de semicondutores, que ficou conhecida no passado por fabricar o "chip do boi". Ela foi fundada no governo Lula.

O presidente Jair Bolsonaro vai publicar nos próximos dias um decreto autorizando o início do processo. O fechamento da empresa já estava previsto desde junho, mas questionamentos do Tribunal de Contas da União (TCU) atrasaram a publicação do decreto. O impasse, segundo Martha Seillier, já foi resolvido.

A previsão é de que o processo de liquidação dure cerca de um ano. Após a publicação do decreto, será contratado um liquidante para executar o plano de fechamento da empresa. Esse liquidante ficará responsável pelo mapeamento e transferência de ativos da empresa, entre outras funções. Políticas públicas que hoje são executadas pela Ceitec permanecerão ativas, por meio de uma organização social a ser criada pelo governo.

Outra estatal que será fechada é a ABGF, a Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias. A decisão de liquidação foi tomada no ano passado, mas a pandemia atrasou o processo. A previsão é que o decreto presidencial iniciando a liquidação seja publicado no primeiro trimestre de 2021.

A estatal faz a gestão do Fundo Garantidor de Infraestrutura (FGIE); a prestação de serviços ao Ministério da Economia relativos à operacionalização do Fundo de Garantia à Exportação (FGE); a participação da União como cotista dos Fundos Diluídos; e a gestão do Fundo de Estabilidade do Seguro Rural (FESR). Essas atividades serão incorporadas pelo Executivo.

Neste ano, o governo concluiu a liquidação da Companhia de Armazéns e Silos do Estado de Minas Gerais (Casemg) e da Companhia Docas do Maranhão (Codomar). Porém, ambos os processos já tinha sido iniciados em governos anteriores – portanto, a decisão de fechá-las não coube ao atual governo.

As empresas que o governo quer vender até 2022. E as que continuarão estatais

Confira, abaixo, quais são as 13 estatais serão privatizadas ou fechadas pelo governo até 2022, segundo calendário de privatizações divulgado pelo PPI em 2 de dezembro de 2020:

  • Ceitec – 4º trimestre de 2020 (início da liquidação/fechamento)
  • ABGF – 1º trimestre de 2021 (início da liquidação/fechamento)
  • Emgea – 3º trimestre de 2021 (privatização)
  • Ceasaminas – 3º trimestre de 2021 (privatização)
  • Codesa (Porto de Vitória) – 3º trimestre de 2021 (privatização)
  • Nuclep – 3º trimestre de 2021 (privatização)
  • Trensurb – 4º trimestre de 2021 (privatização)
  • CTBU – 4º trimestre de 2021 (privatização)
  • Correios – 4º trimestre de 2021 (privatização)
  • Eletrobras – 4º trimestre de 2021 (privatização)
  • Serpro – 1º trimestre de 2022 (privatização)
  • Dataprev – 1º trimestre de 2022 (privatização)
  • Telebras – 1º trimestre de 2022 (privatização)

Confira quais são as 33 estatais de controle direto da União que não serão privatizadas ou fechadas até 2022, também segundo o PPI (algumas estão nos planos para depois de 2022, caso dos portos):

  • Amazul
  • Banco da Amazônia
  • Banco do Brasil
  • Banco do Nordeste
  • BNDES
  • Caixa Econômica Federal
  • Casa da Moeda
  • Ceagesp (Companhia de Entrepostos e Armazéns de São Paulo)
  • CDC (Porto do Ceará)
  • CDP (Porto do Pará)
  • CDRJ (Portos do Rio de Janeiro)
  • Codeba (Porto da Bahia)
  • Codern (Porto do Rio Grande do Norte)
  • Codesp (Porto de Santos)
  • Codevap (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e da Parnaíba)
  • Conab (Companhia Nacional de Abastecimento)
  • CPRM (Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais)
  • EBC
  • Ebserh (administra hospitais universitários)
  • Embrapa
  • Emgepron
  • EPE (Empresa de Pesquisa Energética)
  • EPL (Empresa de Pesquisa em Logística) – será unificada com a Valec
  • Finep
  • Hemobras
  • Hospital de Clínicas de Porto Alegre
  • Hospital Nossa Senhora da Conceição
  • Imbel (fabricante de materiais bélicos)
  • INB (indústria nuclear)
  • Infraero
  • Petrobras
  • PPSA (estatal do pré-sal)
  • Valec (estatal de construção de ferrovias) – será unificada com a EPL
28 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 28 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • F

    F.H.O

    05/12/2020 15:13:26

    Torço para que esse plano abominável não se concretize. Vender algumas tudo bem... Mas todas é insano. Principalmente as que são lucro ou são estratégicas. A maioria das pessoas apoiam porque não pesquisam a fundo o outro lado.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • L

      LB_Bravo

      04/12/2020 22:09:33

      Segundo Paulo Guedes, isso tudo acontecerá em 3 ou 4 meses, quando o Brasil vai surpreender o mundo e a retomada em "V" na economia vai parecer mais um foguete subindo aos céus. Ao mesmo tempo, segundo Eduardo Bananinha, o Brasil vai se libertar da China comunista, instalando por aqui um sistema 5G com tecnologia de espionagem totalmente nacional, que abastecerá o Allan dos Santos com as informações necessárias para o projeto patriótico do Terça Livre. Tb nesses próximos 3 meses, segundo Jair Bolsonaro, o Brasil deixará de ser um país de maricas e invadirá os EUA, tornando-os uma colônia brasileira no norte, governada pelo interventor biônico Donald Trump. O futuro do Brasil é auspicioso.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • E

        Emerson

        04/12/2020 13:36:37

        Resta perguntar: e nós população o que iremos ganhar de troco? Será que teremos mais qualidade nos serviços oferecidos? Apenas vender e deixar tudo pior do que já está não resolverá.

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • G

          Giovanni Rosa da Silva

          04/12/2020 13:29:53

          Sério isso? Um governo que nao vendeu nenhuma, nao fechou nenhuma e CRIOU UMA?! Esse governo vai fazer mágica agr? Quem acredita tem que ser muito burro mesmo.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • A

            Antônio Carlos

            04/12/2020 12:31:37

            Vai que agora no terceiro ano de governo ele começa a fazer o que prometeu, já que nos dois primeiros nada fez. Eu acredito!!!!!!!!!

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            • A

              Astro

              04/12/2020 12:29:36

              Nem a Eletrobras que Temer deixou o processo pronto saiu do papel. Enfim, muito papo é nada de resultado.

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              • M

                MARTINI

                04/12/2020 12:29:26

                 Pelo exposto, Governo pretende fazer PRIVATIZAÇÕES, não PRIVATARIAS – com que no governo FHC (PSDB) em que se adquiriu empresas estatais, através de financiamento governamental. Cuja liquidação foi através do lucro de respectivas empresas privatizadas! Não bastasse, Fundos de Pensão de Estatais, como da Petrobras, investiram até fundos técnicos contrariando regras atuariais. Nada que o próximo governo (Lula) não resolvesse com aportes da mantenedora, a Petrobras de todos nós!

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                • M

                  MARTINI

                  04/12/2020 12:18:21

                   Pelo exposto, Governo pretende fazer PRIVATIZAÇÕES, não PRIVATARIAS – com que no governo FHC (PSDB) em que se adquiriu empresas estatais, através de financiamento governamental. Cuja liquidação foi através do lucro de respectivas empresas privatizadas! Não bastasse, Fundos de Pensão de Estatais, como da Petrobras, investiram até fundos técnicos contrariando regras atuariais. Nada que o próximo governo (Lula) não resolvesse com aportes da mantenedora, a Petrobras de todos nós!

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  1 Respostas
                  • L

                    Luigi Tenco

                    04/12/2020 14:51:07

                    Esses factóides perderam a validade há uns 15 anos.

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                • H

                  Hugo Dalla Zanna

                  04/12/2020 12:12:39

                  Governos são, por definição, incompetentes para administrar empresas, sejam elas quais forem. Posto isto, é óbvio que as empresas foram criadas, em sua melhor ideia, como provedoras daquilo que a iniciativa privada não queria ou não era atraente em termos de retorno. No entanto, devido à característica maléfica de seus gestores, puseram tudo a perder. Portanto, sabendo usar não vai faltar, não é? Como os gestores foram incompetentes, como castigo, tem que privatizar tudo. Abrir o mercado, dar a chance para haver concorrência. O consumidor não é besta. Vai sempre comprar o melhor, pelo preço mais conveniente. Isso demanda muito trabalho sério. Chega de ganhar "nosso" dinheiro na moleza!!

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  1 Respostas
                  • A

                    Antonio Aparecida

                    06/12/2020 7:20:50

                    Os próprios Gestores, são privatistas.

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                • G

                  Goku

                  04/12/2020 11:31:35

                  Após a privatização, podem esperar diversos casos do "Apagão do Amapá" acontecendo. Empresas privadas só focam o lucro. Manutenção só no básico. Funcionários com salários baixos quando não são só os estagiários. Pessoal só pensa na parte ruim das estatais.

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  2 Respostas
                  • G

                    Goku

                    04/12/2020 12:48:23

                    https://www.brasildefato.com.br/2020/11/12/o-que-o-apagao-do-amapa-diz-sobre-a-privatizacao-do-setor-eletrico-no-brasil

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                  • F

                    Fábio Murakami

                    04/12/2020 11:49:26

                    Só tem apagão porque é estatal.

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                • G

                  Goku

                  04/12/2020 11:31:35

                  Após a privatização, podem esperar diversos casos do "Apagão do Amapá" acontecendo. Empresas privadas só focam o lucro. Manutenção só no básico. Funcionários com salários baixos quando não são só os estagiários. Pessoal só pensa na parte ruim das estatais.

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  2 Respostas
                  • G

                    Giovanni Rosa da Silva

                    04/12/2020 13:31:52

                    Nao seja burro. Pense na lógica de mercado amigo. Se a empresa privada nao entregar o serviço ela quebra, logo precisa manter o serviço com qualidade. Se a empresa estatal nao entregar o serviço (????), nao acontece nada, é so aumentar imposto. Isso é tao basico quanto ler e escrever.

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                  • M

                    MARTINI

                    04/12/2020 12:43:03

                    Estatais no Brasil são ÓTIMAS para respectivos funcionários e políticos que as administram! Quanto ao “Apagão do Amapá”, se causado por Estatal, sequer haveria alvoroço! Governo “indeniza” todos, esquecendo até respectiva regulamentação a respeito. Desinformados pensam que $$$ público é $$$$ de ninguém.

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                • W

                  Walter

                  04/12/2020 10:54:58

                  Tendo em conta que boa parte dos congressistas ainda são a favor de Estatais, é um bom progresso. Governo com menos despesas nessas empresas, significa aumento de investimentos em infra estrutura, saúde e educação, base para um cidadão de bem sonhar com conhecimento, bem estar, moradia e emprego. É pouco, verdade, mas está na direção certa.

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  1 Respostas
                  • A

                    Antonio Aparecida

                    06/12/2020 7:37:10

                    Monopólio, não dá Prejuízo. Com pouca Concorrência, ele tem o Poder de produzir, muito e vender, mais barato.

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                • W

                  Walter

                  04/12/2020 10:54:58

                  Tendo em conta que boa parte dos congressistas ainda são a favor de Estatais, é um bom progresso. Governo com menos despesas nessas empresas, significa aumento de investimentos em infra estrutura, saúde e educação, base para um cidadão de bem sonhar com conhecimento, bem estar, moradia e emprego. É pouco, verdade, mas está na direção certa.

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  • S

                    Sergio

                    04/12/2020 10:54:14

                    País pobre, comunista e de ditadura que gostam de estatais para ter o maior controle e entregar cargos a seus amigos. Venezuela é típico. Mensalão no Correio e Petrolão na Petrobras. Quer mais? E Bolsonaro anticorrupção não privatizou nada. Virou petista da direita ou ditadura?

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                    1 Respostas
                    • A

                      Antonio Aparecida

                      06/12/2020 8:14:16

                      Nada haver! O Brasil precisa das Estatais, para Investir, em outros Órgãos Públicos, essenciais à Sociedade. O Brasil, não é pequeno. A Dívida Pública, é muito grande. Toda Empresa, precisa de FISCALIZAÇÃO, as Estatais precisam de Órgãos Públicos Fiscalizadores, Observatório Social, Polícia Federal, etc. Venezuela, é puro, Facismo. Trabalho de um mês, para comprar um frango. Ruim com elas, pior, sem elas. A Democracia, é a melhor saída, para o Brasil.

                      Denunciar abuso

                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                      Qual é o problema nesse comentário?

                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                      Confira os Termos de Uso

                  • A

                    Anidracir Soares Bento

                    04/12/2020 10:52:18

                    Sou a favor da venda porém o cuidado deverá ser em não vender para inimigos do Brasil , como por exemplo , vender os Correios para a Magalu ou Amazon

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                    • A

                      Anidracir Soares Bento

                      04/12/2020 10:52:18

                      Sou a favor da venda porém o cuidado deverá ser em não vender para inimigos do Brasil , como por exemplo , vender os Correios para a Magalu ou Amazon

                      Denunciar abuso

                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                      Qual é o problema nesse comentário?

                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                      Confira os Termos de Uso

                      • S

                        Sr. Walker

                        04/12/2020 10:29:33

                        E esse desgoverno consegue fazer alguma coisa dar certo? Só o crescimento de raiva dos brasileiros de bem. Não aqueles que o perturbado chama de ‘pessoas de bem’.

                        Denunciar abuso

                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                        Qual é o problema nesse comentário?

                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                        Confira os Termos de Uso

                        • N

                          Neto

                          04/12/2020 10:16:49

                          Eu acho que o governo deveria PRIVATIZAR TODAS AS ESTATAIS. Deveria aproveitar também e PRIVATIZAR AS UNIVERSIDADES (Antros de Comunistas)

                          Denunciar abuso

                          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                          Qual é o problema nesse comentário?

                          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                          Confira os Termos de Uso

                          • O

                            Osvaldo

                            04/12/2020 8:14:54

                            Está na hora de vender estás tralhas ...cabide de empregos inoperantes ..já vão tarde , hora de trabalhar congresso **** , façam alguma coisa para nós trabalhadores , pagadores dos seus megasalários , diminuam o custo Brasil ..reformas já!!!!!

                            Denunciar abuso

                            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                            Qual é o problema nesse comentário?

                            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                            Confira os Termos de Uso

                            1 Respostas
                            • A

                              Antonio Aparecida

                              06/12/2020 8:37:37

                              No Setor Privado, também existem cabide de Empregos, Greves e, até Nepotismo, como toda grande Empresa. A inoperância, é por falta de Gestão, Vontade Política. Os, próprios, Gestores Presidentes, são privatistas. Ruim, com as Estatais, pior sem elas.

                              Denunciar abuso

                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                              Qual é o problema nesse comentário?

                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                              Confira os Termos de Uso

                          Fim dos comentários.