Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Apresentada pelo governador Sérgio Cabral (PMDB) como candidata a presidente da República, a ministra Dilma Rousseff afirmou nesta quinta em uma feira agrícola no Rio que não vê problemas no empréstimo de R$ 2 bilhões que a Petrobras contraiu na Caixa Econômica Federal.

"A Petrobras não está descapitalizada. Ela tinha um problema imediato de caixa para pagar imposto, e só", declarou a ministra, para quem "o sonho de todo o banco é emprestar para a Petrobras".

"Ela [a Petrobras] tinha que pagar uma quantia 'xis' e fez o empréstimo. Pagando o empréstimo, não tem mistério. Ela continua capitalizada. A Petrobras fez [o empréstimo] com a Caixa. Não tem problema nenhum. Não estou preocupada com isso."

A ministra deu as declarações depois de participar, ao lado de Cabral, da 5ª Feira Nacional de Agricultura Familiar Brasil Rural Contemporâneo, na Marina da Glória, na zona sul.

"Essa aqui é a ministra Dilma, nossa presidenta de 2010", dizia Cabral, ao apresentar a ministra aos expositores de diferentes estados que participavam da feira.

Indagada se estava testando a popularidade de uma eventual candidatura a presidente, Dilma evitou responder diretamente.

"Estou cumprindo as minhas funções como ministra da Casa Civil. Assim como faço reuniões com empresários, eu faço com movimentos sociais. Assim como participei de um congresso há pouco de exploração sexual, eu visito a feira de agricultura familiar. Até porque é uma questão absolutamente estratégica do governo do presidente Lula. Não é nenhuma questão periférica", declarou.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]