i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
esclarecimento

Tarifa da Urbs não foi totalmente extinta

  • 13/07/2010 21:03

A propósito da reportagem "Cai taxa da Urbs para a compra on-line de créditos", publicada na edição de ontem da Gazeta do Povo, a Promotoria de Justiça de Defesa do Con­­sumi­­dor de Curitiba (Prodec) esclarece que a tarifa pela emissão de boleto bancário não acabou. O Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado entre o Minis­tério Público e a Urbs resultará em uma nova opção de pagamento pela internet, sem a incidência da taxa.

Com o acordo, apenas o consumidor que optar pelo pagamento via boleto bancário, e após expresso consentimento, permanecerá sujeito à incidência da taxa de R$ 1,50. Já o usuário que optar pela "guia de recolhimento", paga exclusivamente no Banco do Brasil, ficará isento da taxa extra.

Na prática, em até 60 dias, prazo para o acordo entrar em vigor, a cobrança pela emissão do boleto deixará de ser obrigatória, adequando assim a compra de passagens pela internet aos direitos assegurados pelo Código de Defesa do Consumidor, conforme informava o reportagem publicada ontem.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.