i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Trimestre

Vendas da Indústria têm maior avanço em 3 anos

  • Por
  • 06/11/2007 19:22

Brasília – O crescimento no faturamento da indústria no terceiro trimestre deste ano foi o maior em mais de três anos, segundo levantamento da Confederação Nacional da Indústria (CNI). O aquecimento das vendas do setor já faz com que a utilização da capacidade instalada atinja níveis historicamente elevados.

O grau de utilização da capacidade é, justamente, um dos indicadores acompanhados pelo Banco Central para medir o risco de um crescimento mais forte da economia gerar pressões inflacionárias. No mês passado, citando as incertezas sobre o comportamento dos preços nos próximos meses, o Banco Central interrompeu uma seqüência de queda dos juros que já durava dois anos.

Mas o economista da CNI Paulo Mol ressaltou que os fatores que impulsionaram a economia ao longo de 2007 podem não se repetir daqui para a frente, o que poderia colocar em risco a trajetória positiva que a indústria tem apresentado até agora.

Entre o segundo e o terceiro trimestres deste ano, as vendas da indústria cresceram 3% – já descontado o efeito da inflação e os fatores sazonais –, o melhor resultado desde o segundo trimestre de 2004, quando a expansão foi de 3,8%. Entre janeiro e setembro, o crescimento acumulado foi de 4,2%.

Também no mês passado, o nível de utilização da capacidade instalada chegou a 82,7%, o maior índice já registrado pela série estatística da CNI, que tem início em 2003.

Os setores que mais contribuíram para a alta foram os de máquina e equipamentos, alimentos e bebidas, metalurgia básica e veículos automotores. Apenas três setores tiveram desempenho negativo: madeira, refino e álcool e materiais eletrônicos e de comunicação.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.