Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O Wal-Mart anunciou nesta segunda-feira que fechará seu escritório em Moscou, embora ainda esteja interessado em ingressar no mercado russo por meio de uma aquisição atrativa.

"Considerando que decidimos entrar no mercado por meio de aquisições, e não crescimento orgânico, e considerando que não há parceiros de aquisição no curto prazo, não há razão em manter nosso escritório em Moscou", afirmou o presidente-executivo do Walmart International, Doug McMillon.

"Continuamos entusiasmados com os negócios internacionais, incluindo mercados onde já operamos, como Brasil, China e Índia, onde temos vastas oportunidades de crescimento", acrescentou o executivo em nota.

Em meados de outubro, o jornal Vedomosti informou que a maior varejista mundial estaria disputando com o grupo russo X5 a aquisição da rede supermercadista Kopeika.

A entrada do grupo norte-americano na Rússia tem sido aguardada há anos, mas nenhuma ação foi dada até o momento. Negociações com a Kopeika têm ocorrido desde 2002.

"De tempos em tempos, o Wal-Mart vem e dá uma olhada (na Kopeika)", afirmou um banqueiro à Reuters, na ocasião. "Eles estão sempre no processo de considerar aquisições na Rússia", acrescentou a fonte.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]