Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
USP se manteve na primeira posição entre as universidades brasileiras, mas caiu de 13º para 19º lugar.
USP se manteve na primeira posição entre as universidades brasileiras, mas caiu de 13º para 19º lugar.| Foto: Marcos Santos/USP Imagens

A Universidade de São Paulo (USP), uma das principais instituições de ensino superior do país, caiu seis posições no ranking de qualidade de universidades de economias emergentes da consultoria britânica de educação superior Times Higher Education (THE). Na lista anterior, a USP havia ficado em 13º lugar, mas na desse ano, divulgada esta semana, ela ficou na 19ª posição. Ainda assim, continua como instituição brasileira com a melhor posição na lista.

>> Faça parte do canal de Vida e Cidadania no Telegram

Das brasileiras, a segunda que aparece na lista é a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), na 48ª posição (mesma do ano passado); e a terceira, a PUC do Rio de Janeiro, que aparece em 92º lugar, também em pior resultado este ano - no ano passado, a PUC-RJ havia ficado na 84ª posição. Ao todo, 52 universidades brasileiras entraram na classificação.

Leia também: A USP entre pares: onde estamos e para onde vamos?

Entre as melhores universidades dos países emergentes, a China lidera, com sete instituições entre as dez primeiras colocadas no ranking. A Rússia também aparece bem colocada, com duas universidades entre as 10 primeiras. Dentre as 500 melhores universidades, a China teve 97 instituições listadas, incluindo os cinco primeiros lugares, com a Universidade de Pequim ocupando o primeiro lugar geral, seguida pela Universidade de Tsinghua.

A Índia aparece em segundo lugar no número de universidades citadas, com 71 instituições. O ranking também destaca o desempenho da Rússia, que teve mais doze universidades incluídas entre as melhores, ficando em terceiro lugar, com um total de 60 universidades listadas.

* Veja a seguir a listagem com as melhores universidades de países emergentes, segundo a THE.

1º Universidade de Pequim (China)
2º Universidade de Tsinghua (China)
3º Universidade de Zhejiang (China)
4º Universidade de Fudan (China)
5º Universidade de Shanghai Jiao Tong (China)
6º Universidade Estatal de Moscou (Rússia)
7º Universidade de Ciência e Tecnologia da China (China)
8º Universidade de Nanjing (China)
9º Universidade Nacional de Taiwan (Taiwan)
10º Instituto de Física e Tecnologia de Moscou (Rússia)
11º Universidade de Wuhan (China)
12º Universidade de Ciência e Tecnologia do Sul da China (China)
13º Universidade Huazhong de Ciência e Tecnologia (China)
14º Universidade do Rei Abdulaziz (Arábia Saudita)
15º Universidade do Witwatersrand (África do Sul)
16º Universidade da Cidade do Cabo (África do Sul)
16º Universidade Médica de Taipei (Taiwan)
18º Instituto de Ciência da Índia ( Índia)
19º Universidade de São Paulo (USP)
48º Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
92º Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ)

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]