134545

Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Política
  3. República
  4. Eleições 2018
  5. Conheça os programas de governo dos candidatos à Presidência em 2018

propostas para o brasil

Conheça os programas de governo dos candidatos à Presidência em 2018

Confira as propostas que já foram apresentadas por alguns candidatos ao Palácio do Planalto para o Tribunal Superior Eleitoral

  • Da Redação
  • Atualizado em às
 | Nelson Almeida/AFP
Nelson Almeida/AFP
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Todo candidato à presidência precisa ter uma proposta de programa de governo. Veja todos os planos que já foram apresentados para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), junto com o registro de candidatura.

Alvaro Dias (Podemos)

O programa de governo de Alvaro Dias tem apenas 15 páginas e é marcado por 20 metas. A número 20 reforça o discurso do candidato paranaense, de “Refundar a República” por meio de uma reforma constitucional. A coligação de partidos Podemos, PSC, PRP, PTC divide as metas em três grandes eixos: Sociedade, Economia e Instituições. Veja o programa de governo completo aqui.

Cabo Daciolo (Patriotas)

O programa de governo do Cabo Daciolo (Patriotas) é enxuto: são 19 páginas com seu “plano de nação para a colônia brasileira”. Com várias menções a Deus, Daciolo menciona que é preciso recuperar a soberania e fala de investir 10% do PIB na educação, promover a pavimentação de todas as rodovias federais, atuar na prevenção da saúde e também da segurança pública. Veja o programa de governo completo aqui.

Ciro Gomes (PDT)

O programa de governo de Ciro Gomes (PDT) traça as diretrizes que o candidato pretende discutir com a sociedade. São 62 páginas que trazem as ideias dos caminhos a seguir, começando pela geração de empregos, reformas (incluindo a da Previdência), modernização de infraestrutura, investimentos em educação e combate ao crime com inteligência policial. Veja o programa de governo completo aqui.

Eymael (DC)

O programa de governo de Eymael (DC) é de apenas 9 páginas. Apresentado em tópicos, foi batizado de Diretrizes Gerais de Governo para Construir um Novo e Melhor Brasil. Uma das principais propostas apresentada sem grandes detalhes é a reforma do sistema tributário, por meio da simplificação e redução da carga tributária. Veja o programa de governo completo aqui.

Henrique Meirelles (MDB)

O programa de governo de Henrique Meirelles apresenta logo no início um discurso econômico que reforça o trabalho do presidenciável como Ministro da Fazenda de Michel Temer. Aborda também dados da previdência, conclamando uma reforma. O candidato diz que pretende ainda acelerar processos de privatização. Veja o programa de governo completo aqui.

Geraldo Alckmin (PSDB)

O programa de governo de Geraldo Alckmin (PSDB) traz as diretrizes gerais de trabalho do tucano ao longo de 9 páginas. Dividido em três eixos -- Brasil da Indignação, Brasil da Solidariedade e Brasil da Esperança --, Alckmin propõe tolerância zero com a corrupção, reformas (política e da Previdência), o combate ao crime organizado, priorização da primeira infância e abertura da economia para atrair investimentos. Veja o programa de governo completo aqui.

Guilherme Boulos (Psol)

O programa de governo de Guilherme Boulos (Psol) é enorme: são 228 páginas de propostas. Com críticas ao “golpe jurídico-parlamentar-midiático”, o plano de governo está centrado na luta contra desigualdade e por direitos. Entre as propostas está um grande programa de obras públicas, para expandir investimentos públicos e geração de empregos. Veja o programa de governo completo aqui.

Jair Bolsonaro (PSL)

O programa de governo de Jair Bolsonaro (PSL) tem como título: “O Caminho para a Prosperidade”. Com 81 lâminas, as propostas são pouco detalhadas. Ele mostra metas vagas como baixar a inflação e gerar empregos. Em tópicos, a coligação defende a liberdade de imprensa, a redução de ministérios, o liberalismo econômico, entre outros itens. Veja o programa de governo completo aqui.

João Goulart (PPL)

O programa de governo de João Goulart (PPL) apresenta resumidamente em 14 páginas o plano: “Distribuir a Renda, Superar a Crise e Desenvolver o Brasil”. O presidenciável coloca como primeira meta dobrar o valor do salário mínimo em quatro anos. Ao contrário de outros candidatos, Gourlat propõe a reestatização da Vale e a valorização das empresas estatais Petrobras e Eletrobrás. Veja o programa de governo completo aqui.

Lula (PT)

O programa de governo do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT) tem 62 páginas e foi batizado de “O Povo Feliz de Novo”. Adaptado depois de acordos com os de mais partidos da coligação (PCdoB e PROS) programa do PT está dividido em cinco partes que abordam:“Soberania e Refundação Democrática”, “Afirmação de Direitos”, “Direitos Sociais”, “Projeto de Desenvolvimento”, “Transição Ecológica”. Veja o programa de governo completo aqui.

Marina Silva (Rede)

O programa de governo de Marina Silva (Rede) apresenta em 45 páginas algumas defesas da coligação com o PV, como o direito ao casamento homoafetivo protegido por lei e a exigência da ficha limpa para a ocupação de cargos no serviço público . A publicação aborda ainda que possíveis privatizações , ao destacar que 168 estatais precisam ser avaliadas, mas exclui expressamente a privatização da Petrobras, da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil. A Eletrobras, porém, terá sua venda analisada. Veja o programa de governo completo aqui.

Vera Lúcia (PSTU)

O programa de governo de Vera Lúcia (PSTU) traz 16 pontos de “um programa socialista para o Brasil contra a crise capitalista”. Entre as propostas estão a revogação de todas as reformas, a redução da jornada de trabalho sem redução de salários, aumento geral dos salários e aposentadorias e estatização das cem maiores empresas sob controle dos trabalhadores. Veja o programa de governo completo aqui.

O candidato e João Amoedo formalizou o pedido de candidatura, mas ainda não registrou plano de governo.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O jornalismo da Gazeta depende do seu apoio.    

Por apenas R$ 0,99 no 1º mês você tem
  • Acesso ilimitado
  • Notificações das principais notícias
  • Newsletter com os fatos e análises
  • O melhor time de colunistas do Brasil
  • Vídeos, infográficos e podcasts.
Já é assinante? Clique aqui.
>