Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE

Premonição

‘Forças ocultas’ embalam pré-candidatura de Alvaro Dias a presidente

Vidente que antecipou tragédia da Chapecoense afirma que senador do Podemos será eleito presidente. Sem Lula, Alvaro empata com Bolsonaro na preferência do eleitor no Sul do país

  • Filipe Albuquerque especial para a Gazeta do Povo
Alvaro Dias, pré-candidato pelo Podemos: vitória nas eleições foi “prevista” por vidente que anteviu acidente com Chapecoense. | Felipe Rosa/Tribuna do Paraná
Alvaro Dias, pré-candidato pelo Podemos: vitória nas eleições foi “prevista” por vidente que anteviu acidente com Chapecoense. Felipe Rosa/Tribuna do Paraná
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

A figura do ‘Sobrenatural de Almeida’ foi criada pelo escritor e dramaturgo Nelson Rodrigues em sua coluna de crônicas esportivas no jornal O Globo, entre 1962 e 1980 (ano da sua morte), para tentar explicar uma maré de azar enfrentada pelo Fluminense, seu time de coração. Há quem não descarte contar com o personagem, ou algo semelhante, para as eleições de outubro deste ano. O senador Alvaro Dias, pré-candidato à presidência da República pelo Podemos, é um deles.

Conta a favor da candidatura do ex-governador do Paraná a baixa resistência ao seu nome (16%) e o histórico de ser o senador mais bem votado no país em 2014 – 77% dos votos válidos dos eleitores do seu estado. Mas há ainda outro fator de otimismo: uma previsão, feita por um vidente, que o aponta como o próximo presidente da República.

Leia também: Um mês após prisão, pesquisa aponta Lula com o dobro dos votos de Bolsonaro

“Jair Bolsonaro vai ficar em terceiro ou quarto lugar. Quem leva a eleição é o Alvaro Dias, presidente da República, 100% de certeza”, decretou Carlinhos Vidente em vídeo no YouTube, postado em dezembro de 2017, de uma entrevista a um programa produzido no Paraná. “A disputa vai ser muito acirrada entre Alvaro Dias, Jair Bolsonaro e Ciro Gomes. Mas no final sobe o Ciro Gomes e sobe o Alvaro, e o Alvaro Dias vence a eleição para presidente da República”.

“Realmente é impressionante”, comenta Alvaro, entre risos, durante entrevista ao vivo veiculada nas redes sociais da Gazeta do Povo na sexta-feira (11). “Se fosse um caso isolado, mas é recorrente. Chega a impressionar”, acrescenta, diante das previsões que o apontam como o próximo presidente eleito. “Há uma motivação nisso. Não posso desacreditar como também não posso me orientar por isso, ir para a casa dormir ou à praia porque já ganhei? Não é por aí”, avaliou.

Outro vídeo, de 18 de maio de 2017, publicado no canal de Carlinhos no YouTube mostra um encontro do vidente com Alvaro no gabinete do senador. “Estou aqui com meu amigo Alvaro Dias, que com todo respeito um dia será presidente da República, já falei isso para ele, ele não acredita muito, mas estou falando para ele, e eu falo na cara que ele será o presidente da República”. Alvaro ri diante da afirmação, mas agradece a visita e o apoio.

“As previsões que você tem feito repercutem muito e quando envolvem o meu nome eu fico muito agradecido”, responde Alvaro. “E obviamente aumentam a minha responsabilidade, não quero decepcionar você e não quero decepcionar o povo brasileiro. Por isso essas previsões acrescentam responsabilidade e eu entendo que essa missão não é fácil”. Carlinhos esteve com o senador para pedir ajuda – o vidente angaria doações de mantimentos e leva a comunidades carentes.

“Acertos” no currículo

A previsão vem com o “carimbo” de quem vislumbrou, anteriormente, conforme reportagem da revista Época, a troca de partido de Alvaro para uma sigla nova e sua subsequente eleição para o Executivo nacional.

Mais: em março de 2016, Carlinhos afirmou, no programa da apresentadora Olga Bongiovanni, que um time de futebol morreria em um desastre aéreo. “Não deu pra levantar com certeza se é no Brasil ou se é fora”, disse. A tragédia com a equipe da Chapecoense aconteceu meses depois, em 28 de novembro daquele ano. O vídeo com a participação de Carlinhos no programa de TV está disponível no YouTube.

Leia também: “Vice de Alckmin? É algo que passa muito longe do meu alambrado”, diz Alvaro Dias

Ele também teria previsto a queda do avião que matou, em agosto de 2014, o ex-governador de Pernambuco e candidato à presidência da República pelo PSB, Eduardo Campos e, meses antes da Copa do Mundo de 2014, disse que a seleção não ganharia o mundial.

Contusão de Neymar, fracasso na Copa e edifício abalado

No mesmo vídeo em que decreta a vitória de Alvaro sobre Ciro no segundo turno, o vidente prevê a contusão de Neymar, ocorrida quase dois meses depois, no dia 25 de fevereiro deste ano, em jogo da 27ª rodada do Campeonato Francês, contra o Olympique de Marselha. Carlinhos disse ainda que a seleção chega no máximo ao terceiro lugar na Copa do Mundo, com o camisa 10 “ jogando um ou dois jogos e olhe lá”.

O vidente fala sobre uma “visão” em que identifica um prédio que sofreria um abalo, diz ter dúvidas se desabaria ou se teria de ser evacuado com urgência, e que o caso teria repercussão internacional. Mas informa que o ocorrido previsto por ele aconteceria em Londrina ou em alguma cidade da região do estado, e o abalo se daria, na visão de Carlinhos, por um vento forte.

Coincidência macabra ou mero chute, o último dia 1º de maio marcou por uma tragédia semelhante, mas em São Paulo, quando um edifício abandonado ocupado por um grupo de sem teto desabou após um incêndio.

Perguntado pela reportagem da revista Época sobre previsões e visões de outra dimensão a respeito de sua candidatura, Alvaro disse que não acredita, mas também não desacredita: “tem acontecido tanta coisa”. Na mesma reportagem, a presidente do Podemos, a advogada e deputada federal Renata Abreu, que afirma ser católica mas também “meio ecumênica”, afirma: “essas forças existem, pode acreditar. Os sinais e previsões são muito impressionantes. E este é um momento de reflexão, em que o eleitor olhará a história de todos os postulantes à presidência”, disse.

Tanto o vidente quanto a deputada não retornaram aos pedidos de entrevistas feitos pela Gazeta do Povo.

Pesquisas eleitorais

Alvaro Dias aparece empatado com Jair Bolsonaro (PSL) nas intenções de voto dos eleitores dos três estados do Sul do país, de acordo com último levantamento do Paraná Pesquisas. Sem Lula, ambos aparecem com 22,6% cada. Já em âmbito nacional, o senador surge com apenas 3%, segundo pesquisa Datafolha divulgada no dia 16 de abril. Mesmo índice alcançado na pesquisa CNT/MDA divulgada nesta segunda-feira (14).

Ao todo, 2.002 pessoas foram entrevistadas pelo Paraná Pesquisas em 154 cidades entre 27 de abril e 2 de maio de 2018. A pesquisa foi registrada no TSE sob o número BR-02853/2018. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos e o grau de confiança é de 95%.

Já a pesquisa Datafolha foi feita entre os dias 11 e 13 de abril. Foram entrevistados 4.194 brasileiros em 227 municípios brasileiros. A margem de erro é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no TSE com o número BR-08510/2018.

O levantamento da CNT/MDA foi realizado entre os dias de 9 a 12 de maio e ouviu 2.002 pessoas em 137 municípios. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais com 95% de nível de confiança. A sondagem foi encomendada pela CNT ao instituto MDA e registrada no TSE sob o número BR-09430/2018.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE