Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Carga e Lacração de urnas nas eleições de 2018
| Foto: André Rodrigues/Arquivo Gazeta do Povo

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) e o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) lançam, nesta quinta (15), uma cartilha e um hotsite que apresentam, de forma didática, os dez crimes eleitorais mais comuns. Entre eles, estão práticas como tirar uma selfie ao lado da urna eletrônica para postar nas redes sociais ou distribuir santinhos de candidato na entrada do local da votação. Os crimes eleitorais são passíveis de reclusão, pagamento de multa e prestação de serviços à comunidade para quem os praticar. “Esta cartilha foi baseada em um levantamento que identificou os principais ilícitos praticados na véspera e no dia da eleição. O nosso trabalho será de prevenção desses crimes”, diz o desembargador Tito Campos de Paula, presidente do TRE-PR.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]