i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Libertadores

Crise política na Argentina deixa clima tenso para o jogo entre Boca e Athletico

  • PorDaniel Malucelli, enviado especial
  • Buenos Aires
  • 08/05/2019 12:57
Protesto de trabalhadores nesta quarta-feira (8) em Buenos Aires.
Protesto de trabalhadores nesta quarta-feira (8) em Buenos Aires.| Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

O Athletico chega em Buenos Aires nesta quarta-feira (8) para o jogo histórico contra o Boca Juniors, na Bombonera, e encontrará a capital argentina em ebulição. A partida histórica para o Furacão será nesta quinta-feira (9), pela última rodada da fase de grupos da Libertadores , mas o ambiente da cidade é tenso politicamente.

Protestos e manifestações estão ocorrendo por várias partes de Buenos Aires. Na Praça do Congresso, que fica a cerca de 1,5 quilômetro do hotel em que o Athletico está hospedado e a 5 quilômetros da Bombonera, manifestantes bloqueiam o trânsito ao longo do dia e aumentam o clima de tensão.

>> Rodada decisiva da Libertadores: onde ver online e na TV

A Praça do Congresso está enfincada no centro cívico de Buenos Aires. Opositores do governo do presidente Mauricio Macri, funcionários públicos exigindo aumento de salários e justiça social são algumas das reclamações dos argentinos.

A eleição presidencial na Argentina está marcada para 27 de outubro deste ano. A perspectiva é que a tensão política aumente por conta da polarização eleitoral.

>> Roteiro infalível para a torcida do Athletico de quem já foi à Bombonera

Principal representante político da direita, Macri busca a reeleição. Seu principal concorrente é novamente Cristina Kirchner, ex-presidente da Argentina entre 2007 e 2015, nome político mais influente da esquerda do país.

>> Tudo sobre Boca x Athletico

A Argentina vive um cenário de aumento da pobreza e recessão com a inflação que passa dos 50%. Nas pesquisas eleitorais, a divisão é clara. Os candidatos estão empatados tecnicamente nos últimos cenários levantados pelos institutos de pesquisa.

Manifestações ocorrem nas principais ruas de Buenos Aires. País polarizado antes de eleição. Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo
Manifestações ocorrem nas principais ruas de Buenos Aires. País polarizado antes de eleição. Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo
2 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 2 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • J

    JOSE DE PAULA

    ± 23 horas

    MENTIRA DESTES PARASITAS DA GAZETA ...NADA HAVER ...GOSTAM DE TOCAR O TERROR A TROCO DE NADA ..SÓ PERDEM A CREDIBILIDADE....DEPOIS TEM MAIS UMA ...OS DOIS ESTÃO CLASSIFICADOS PRA OUTRA FASE.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • T

      Toso

      ± 23 horas

      Estou em Buenos Aires e não tem nada disso. Houve sim, algumas passeatas no dia do centenário de Eva Perón, nada além disso. A cidade está na sua rotina normal. Estou pensando, inclusive, em ir na Lá Bombonera para secar o CAP. Saudações paranistas.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      Fim dos comentários.