i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Libertadores

Rival do Boca desde criança, Ruben ressalta “sabor especial” de jogar na Bombonera

  • PorDaniel Malucelli, enviado especial
  • Buenos Aires
  • 08/05/2019 19:47
Rival do Boca desde criança, Ruben ressalta “sabor especial” de jogar na Bombonera
| Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

Goleador do Athletico no ano, o argentino Marco Ruben ressalta que enfrentar o Boca Juniors tem sabor especial. O atacante foi o carrasco do time xeneize quando marcou três gols na Arena da Baixada, no triunfo por 3 a 0, no duelo de ida. Nesta quinta-feira (9), ele espera repetir a boa atuação jogando na Bombonera.

Criado em Rosario e formado pelo time da cidade, o Rosario Central, Ruben se acostumou a ser rival do Boca desde criança. Nas categorias de base, o centroavante ainda jogou no River Plate, maior rival do oponente da vez na Argentina.

“Para mim tem um sabor especial. Já perdi uma final para eles quando jogava no Rosario Central. Quando era mais novo joguei no River Plate. Estou desfrutando”, analisa Ruben, citando a final da Copa da Argentina, em 2015, quando ele próprio marcou um gol.

Marco Ruben. Albari Rosa/Gazeta do Povo
Marco Ruben. Albari Rosa/Gazeta do Povo

“Estou em meu país e jogar em um estádio como esse contra Boca é o que eu sempre sonhei. Vai ser uma partida especial e espero ajudar minha equipe a ganhar”, complementa o atacante.

Contratado em janeiro para ser o camisa 9, Ruben caiu rapidamente nas graças da torcida. O jogador de 32 anos chegou em baixa no Furacão, mas caiu com uma luva no esquema de Tiago Nunes. Em sete jogos na temporada, ele já marcou seis gols.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.