145538

Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Logotipo Futebol 2019
PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Esportes
  3. Athletico
  4. Aos gritos de “olé”, Atlético vence o Fluminense e garante vaga em final histórica

SUL-AMERICANA

Aos gritos de “olé”, Atlético vence o Fluminense e garante vaga em final histórica

  • RIO DE JANEIRO
  • Daniel Malucelli enviado especial
Bruno Guimarães comemora o seu gol no Maracanã, o segundo gol do Atlético no jogo. | Albari Rosa/Gazeta do Povo
Bruno Guimarães comemora o seu gol no Maracanã, o segundo gol do Atlético no jogo. Albari Rosa/Gazeta do Povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Pela primeira vez na história o Atlético está na final da Copa Sul-Americana. Jogando de forma consciente e administrando a partida, o Furacão venceu o Fluminense por 2 a 0 [4x0 no agregado], na noite desta quarta-feira (28), e fez história no Maracanã. Nikão e Bruno Guimarães marcaram os gols, um em cada tempo.

O rival do Atlético será definido nesta quinta-feira (29). Os colombianos Junior Barranquilla e Santa Fé se enfrentam às 22h45, em Barranquilla. O Junior tem larga vantagem, pois venceu a ida fora de casa por 2 a 0. Independente de quem passar, o Atlético joga o primeiro jogo fora de casa, dia 5 de dezembro, e decide o caneco na Arena da Baixada, dia 12 de dezembro. Se for campeão, o Atlético conquistará seu maior título desde o Brasileirão de 2001.

>> MERCADO DA BOLA 2019: confira o vai e vem do seu clube no mercado

>> TABELA SUL-AMERICANA 2018: confira os resultados e próximos jogos

Os atleticanos vieram em peso ao Rio de Janeiro. Mais de 2.000 torcedores fizeram a festa no Maracanã. No segundo tempo, só a torcida do Furacão cantou enquanto os mandantes iam embora para a casa mais casa. O público total foi de 37.208 (35.451 pagantes) com renda de R$ 1.286.580,00.

Leia mais: “O Maraca é nosso!” Torcida do Atlético domina arquibancada e cala tricolores

Domínio em campo

O Atlético teve uma atuação de gala. Com uma vantagem de 2 a 0 aplicado na Arena Baixada, a aflição rubro-negra durou apenas quatro minutos. O meia-atacante Nikão aproveitou o cruzamento do companheiro de ataque, Marcelo Cirino, e silenciou o Maracanã.

Com o tento anotado, o Rubro-Negro obrigou o Fluminense a buscar uma vitória por três gols de diferença. Os cariocas até pressionaram de forma desorganizada, mas com furadas bisonhas e falta de qualidade no ataque, o Flu apenas irritou ainda mais seu torcedor. O estopim foi quando o volante Bruno Guimarães fez o segundo gol, aos nove minutos da etapa final.

Leia mais: Fogos na madrugada servem de incentivo e geram piadas entre jogadores do Atlético

Grana no cofre

O Furacão já recebeu US$ 1,925 milhão (cerca de R$ 7 milhões). Se conquistar a taça, o clube paranaense embolsará, além da vaga na Libertadores, mais US$ 2,5 milhões (R$ 9,7 milhões). Já o vice-campeonato renderá US$ 1,2 milhão (R$ 4,6 milhões), mas sem a vaga na Liberta.

Nesta campanha histórica da Sula, o Furacão já eliminou Newells Old Boy, da Argentina, Peñarol, do Uruguai, Caracas, da Venezuela, além dos brasileiros Bahia e Fluminense.

Leia mais: Marcar nome na história do Atlético motiva Tiago Nunes e jogadores para a final

Veja imagens do jogo - Albari Rosa/Gazeta do Povo

Veja o vídeo com o segundo gol do Furacão

Confira o lance a lance e a ficha técnica de Fluminense x Atlético-PR

***

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O jornalismo da Gazeta depende do seu apoio.    

Por apenas R$ 0,99 no 1º mês você tem
  • Acesso ilimitado
  • Notificações das principais notícias
  • Newsletter com os fatos e análises
  • O melhor time de colunistas do Brasil
  • Vídeos, infográficos e podcasts.
Já é assinante? Clique aqui.
>