Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Caro usuário, por favor clique aqui e refaça seu login para aproveitar uma navegação ainda melhor em nosso portal. FECHAR
PUBLICIDADE

Brasileirão

Contra freguês da Baixada, Diniz encara prova de fogo no Atlético

  • Daniel Malucelli
Técnico Fernando Diniz encara importante teste diante do São Paulo | Felipe Rosa/TRIBUNA DO PARANA
Técnico Fernando Diniz encara importante teste diante do São Paulo Felipe Rosa/TRIBUNA DO PARANA
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

O Atlético recebe o São Paulo, neste sábado (9), às 16h, na Arena da Baixada, pela 11.ª rodada do Brasileirão, diante da pressão da torcida sobre o técnico Fernando Diniz. Na zona do rebaixamento e com apenas uma vitória nos últimos 12 jogos no ano, o número de torcedores insatisfeitos com o trabalho do treinador aumenta a cada partida.

>> TABELA: confira todos os resultados do Brasileirão

>> Torcida do Atlético cobra Diniz e exige vitória contra São Paulo

Além da má fase do Furacão, a vitória contra o São Paulo é uma exigência da torcida também pelo histórico do time paulista ser freguês rubro-negro e nunca ter vencido na Arena da Baixada, desde a reconstrução do estádio, em 1999. Foram 18 confrontos, com 13 vitórias atleticanas e cinco empates.

Internamente, o clube não dá sinais de que o cargo do treinador esteja em risco. Mario Celso Petraglia garante que Diniz não cai nem se o clube for rebaixado. Mas, historicamente, os treinadores têm prazo de validade curto com o cartola no comando atleticano.

O Atlético não realiza coletivas de imprensa antes dos jogos e apenas divulga trechos curtos de entrevistas em seus canais oficiais.Desta forma, jogadores e técnico pediram apoio.

“Esperamos que o torcedor ajude. É um momento complicado para todos nós. O time está tentando reagir”, disse o zagueiro Thiago Heleno. “É muito poder jogar do lado do nosso torcedor. É um estádio que adoramos jogar e vamos fazer de tudo para realizar um grande jogo”, falou Diniz.

Ficha técnica

Atlético: Santos; Pavez (Bruno Guimarães), Thiago Heleno e Wanderson; Rossetto, Camacho, Lucho González e Carleto; Raphael Veiga (Guilherme), Nikão e Pablo. Técnico: Fernando Diniz.

São Paulo: Sidão; Éder Militão, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Petros, Liziero, Nenê e Everton; Diego Souza e Tréllez. Técnico: Diego Aguirre.

Arbitragem: Anderson Daronco (FIFA/RS), auxiliado por Elio Nepomuceno (RS) e Jorge Bernardi (RS).

Ingressos: R$ 100 (R$ 50 meia-entrada).

Fique de olho

/ra/pequena/Pub/GP/p4/2018/06/09/Esportes/Imagens/Cortadas/NIKÃO 1JC-1819-kWfB-ID000002-1024x341@GP-Web.jpg
Jonathan Campos/Gazeta do Povo

Nikão

Após iniciar bem a temporada e ser elogiado por Fernando Diniz, Nikão caiu de produção. Para o Furacão sair da zona do rebaixamento, será fundamental mais participação do meia-atacante com gols e assistências.

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Esportes

PUBLICIDADE