i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Coronavírus

Coritiba não vai cortar salários durante pandemia; Athletico estuda medida

  • 27/03/2020 18:26
Coritiba não vai cortar salários durante pandemia; Athletico estuda medida
| Foto: Albari Rosa/Foto Digital

Em meio à pandemia do novo coronavírus, o Coritiba decidiu que não irá reduzir salários dos jogadores enquanto o futebol está paralisado. A informação foi dada nesta sexta-feira (27) pelo repórter Robson De Lazzari, da Rádio Transamérica.

À rádio, o presidente Samir Namur afirmou que não será necessário cortar parte dos vencimentos do elenco, seja em carteira ou direito de imagem. De acordo com o dirigente, a atitude não seria justa com os atletas, que não têm culpa pela situação.

Atualmente, a folha total do clube é de R$ 3,2 milhões mensais (R$ 2,1 milhões em carteira), segundo apurou a reportagem.

+ Mata-mata? Veja porque Globo e Turner são contra o retorno da fórmula no Brasileirão

Nesta sexta, o Fortaleza foi o primeiro time da Série A a diminuir salários. Em acordo com os jogadores, o Leão cortará 25% dos vencimentos de março e abril como medida para garantir o emprego de funcionários do clube.

Na quarta-feira (25), a Federação Nacional dos Atletas de Futebol Profissional (Fenapaf) recusou acordo coletivo proposto pelos clubes, no qual os salários seriam reduzidos em 25% durante o período sem futebol. Para a entidade, a redução arbitrária é inconstitucional e só poderia ser feita através de um acordo.

Já os clubes defendem que estão protegidos pelo artigo 503 da Consolidação da Leis do Trabalho (CLT), que fala que "é lícita, em caso de força maior ou prejuízos devidamente comprovados, a redução geral dos salários dos empregados da empresa, proporcionalmente aos salários de cada um, não podendo, entretanto, ser superior a 25%".

A reportagem apurou que o Athletico estuda um corte salarial para todo o elenco. Os atletas, no entanto, já se posicionaram contra a medida.

2 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 2 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • W

    Willi

    ± 0 minutos

    O Coritiba está nadando em dinheiro. Não precisa cortar nada. Quando parar de pagar por falta de fundos, os agradecidos "craques" vão entrar com dezenas de ações e afundar o time até 2040.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • A

      Armando

      ± 2 dias

      Clubes tentam reduzir salários, mas jogador de futebol ganha pouco

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      Fim dos comentários.