Marcelo Oliveira ganhou ação trabalhista do Coritiba
Marcelo Oliveira ganhou ação trabalhista do Coritiba| Foto: Marcelo Andrade/Gazeta do Povo

O técnico Marcelo Oliveira ganhou a ação trabalhista contra o Coritiba por causa de salários atrasados. O processo corre na Justiça do Trabalho desde maio de 2018 e, nesta segunda-feira (26), o juiz José Roberto Gomes Junior fez o despacho que obriga o clube a pagar R$ 1,2 milhão ao treinador de 64 anos.

Marcelo Oliveira acionou a Justiça após ser demitido do Coritiba, em dezembro de 2017, logo depois da queda do clube para a Série B. A pedida inicial da causa era de R$ 854 mil, valor que aumentou com juros e correções, referentes a salários atrasados, férias proporcionais e rescisão de contrato.

Sem clube desde o ano passado, quando dirigiu o Fluminense, o técnico não aceitou parcelar a dívida. O Coritiba terá 15 dias para efetuar o pagamento a partir do despacho de atualização do valor de R$ 1,2 milhão.

Caso não pague, o clube corre risco de penhora - neste caso, quem indica os bens é o reclamante. Este valor é o equivalente à folha salarial mensal de todo o elenco coxa-branca atualmente.

Marcelo Oliveira foi contratado na gestão do ex-presidente Rogério Bacellar. Na ocasião, ele veio com alto salário (R$ 280 mil por mês). Foi a segunda passagem do treinador pelo Alviverde, após o sucesso em 2011 e 2012. Porém, ele conquistou apenas seis vitórias em 23 jogos no Brasileirão.

Próximos jogos do Coritiba

  • Coritiba x Vitória - 27/8, às 19h15
  • Ponte Preta x Coritiba - 31/8, às 16h30
  • Coritiba x Atlético-GO - 7/9, às 16h30
  • Londrina x Coritiba - 14/9, às 11h
25 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]